Scielo RSS <![CDATA[Revista de Saúde Pública]]> http://www.scielosp.org/rss.php?pid=0034-891019920006&lang=en vol. 26 num. 6 lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielosp.org/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielosp.org <![CDATA[<B>Prognostic factors for hospital case-fatality due to diarrhea or pneumonia</B>: <B>a case-control study</B>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-89101992000600001&lng=en&nrm=iso&tlng=en Estudou-se a letalidade hospitalar devido à diarréia ou pneumonia em menores de um ano de idade na Região Metropolitana do Rio de Janeiro cujo óbito ocorreu entre abril/86 e maio/87. Foram investigados possíveis fatores prognósticos de letalidade hospitalar em relação a condições socioeconômicas, biológicas e amamentação aos 30 dias de vida. Foi utilizada metodologia de caso-controle, sendo casos as crianças internadas por diarréia ou por pneumonia que morreram, e controles aquelas que sobreviveram. Referências são feitas aos fenômenos de causalidade reversa e "overmatching" como possíveis viéses neste tipo de estudo. Razão de produtos cruzados (RPC) foi utilizada para estimar os riscos relativos, através de regressão logística não condicional. Os principais fatores prognósticos encontrados foram prematuridade, baixo peso ao nascer, mau estado geral e déficit peso/idade na hospitalização. Nas crianças com pneumonia a duração do aleitamento materno esteve associado com a letalidade (RPC=2,0). As condições biológicas evidenciaram-se como os principais fatores prognósticos de letalidade hospitalar por diarréia ou pneumonia.<hr/>Diarrhea and pneumonia are common diseases in children aged under one year, for which there are simple therapeutic measures. However, infant mortality due to these diseases is still very high, varying markedly according to socio-economic status. The characteristics of children who died (cases) and of those who were hospitalized with diarrhea or pneumonia, but survived (controls), were studied. The following groups of variables were studied: socio-economic, environmental and biological conditions, nutritional status and breast-feeding. Information on cases and controls was collected from hospital records and through home interviews. Important losses occurred in the latter: 40% of cases and 50% of controls were not interviewed. There were no significant differences between cases who were included and those who were not, in terms of age, sex or place of residence. To estimate relative risks of prognostic factors unconditional Logistic Regression was used to calculate the odds ratios and their 95% confidence intervals. Prematurity, low birth weight, weight/age deficit, presence of edema and poor general status at hospital admission were prognostic factors for hospital case-fatality. In relation to the anthropometric variables, it was not possible to conclude for certain whether the increased case-fatality was linearly or non-linearly (threshold) associated with nutritional deficit. The duration of breastfeeding was only associated with case-fatality for pneumonia. Socio-economic factors were not important for the prognosis of children admitted to hospital with diarrhea or pneumonia. Some of the expected risk factor associations were not detected, maybe due to the small sample size (resulting from the high losses) which was insufficient to show small differences. In this study the biological conditions of children with diarrhea or pneumonia appeared to be the important prognostic factors for hospital case-fatality. <![CDATA[<B>Ethylene oxide sterilization</B>: <B>I. The influence of sporulation medium in the resistance of the spores of <I>Bacillus subtilis</I> var. <i>niger</i></B>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-89101992000600002&lng=en&nrm=iso&tlng=en Tendo por meta a padronização das variáveis influenciando a resistência de esporos empregados no controle do processo esterilizante por óxido de etileno, foram obtidos esporos de Bacillus subtilis var. niger, em meio sólido e líquido sintético de esporulação. Tais esporos, após padronização quantitativa dos 12 lotes obtidos, foram submetidos a exposições subletais como bioindicadores, tendo o papel como suporte. Construiu-se, então, a curva de letalidade característica de cada lote. A análise estatística empregada não evidenciou diferenças entre resistência dos 10 lotes obtidos em meio sólido e os 2 em meio líquido sintético, ressaltando-se a vantagem quanto ao rendimento que caracterizou a primeira metodologia.<hr/>Some elements influencing the resistance of spores used in ethylene oxide sterilization process control are standardized. Spores of Bacillus subtilis var. niger were produced in chemically defined liquid and solid sporulation media to a total of 12 lots; after standardization of the number of spores, they were challenged by sub-lethal cycles, followed by a lethality study. According to the statistical model applied, there were no differences between the resistance of spores produced in chemically defined liquid and those produced in solid sporulation media. The advantage of the solid sporulation media consists in the larger production of spores. <![CDATA[<B>Ethylene oxide sterilization</B>: <B>II. The influence of test specimens on the performance of biological monitors and its evaluation</B>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-89101992000600003&lng=en&nrm=iso&tlng=en Pela importância da garantia de esterilidade em produto médico-hospitalares e pela predominância da forma tubular dentre estes produtos, conduziu-se o estudo de monitores biológicos em que os corpos de prova apresentavam diferentes comprimentos e diâmetros. O sensor biológico foi constituído de esporos de Bacillus subtilis var. niger adquirido do mercado nacional sob tiras de papel. Após esterilização por processo industrial, seguiu-se a recuperação dos esporos sobreviventes através de inoculação dos suportes em caldo tioglicolato, caldo caseína-soja e este adicionado de azul de bromotimol. A capacidade promotora de crescimento destes 3 meios de cultura não apresentou diferenças. A eficácia esterilizante foi dependente do tamanho de corpos de prova. A determinação periódica do teor residual de gás nos corpos de prova, bem como a monitoração ambiental industrial indicaram a importância da legislação em vigor, devendo ser obedecida a fim de garantir inocuidade aos pacientes e operadores.<hr/>In view of the importance of the assurance of the sterility of medical devices, with a large incidence of tubular forms, a study of biological monitors was undertaken, using paper as a carrier, the dimension of the test specimens being the variable considered. After the sterilization process in an industrial cycle, followed by the recovery of the surviving spores through inoculation of the carriers into thioglicolate broth, soybean-casein broth and this last with the addition of bromothymol blue. No differences were found between the growth promoting capacity of these 3 media. The effectiveness of sterilization was dependent on the dimension of the test specimens. The periodic determination of residual gas content on the test specimens, as well as the monitoring of the industrial environment demonstrate the need and importance of the legislation in force. <![CDATA[<B>RC-IAL</B>: <B>rabbit kidney cell line - characteristics and substrate for viral multiplication</B>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-89101992000600004&lng=en&nrm=iso&tlng=en Uma linhagem celular de rim de coelho (denominada RC-IAL), que foi isolada em 1976, e que atualmente está na 150ª passagem, teve suas características analisadas. As células apresentaram morfologia semelhante aos fibroblastos desde o início de seu cultivo. A proporção de crescimento celular não se alterou desde seu isolamento, com uma eficiência de clonagem ao redor de 9%. A linhagem mostrou crescimento dependente de ancoragem, e a análise cromossômica apresentou o número modal da espécie com pequenas variações para mais ou menos um cromossomo, resultando uma somatória de 50%. Sua espécie de origem foi comprovada através da reação de imunofluorescência indireta e a susceptibilidade da linhagem a alguns vírus, com demonstração do efeito citopático, foi verificada com os vírus da vacínia, cowpox, herpes simples tipo 1 e 2 e da rubéola. Esse substrato celular está livre de contaminantes, satisfazendo assim, as condições para seu uso em trabalhos científicos, principalmente os relacionadas à saúde pública.<hr/>A rabbit kidney cell line RC-IAL, isolated in 1976 and at apresent at 150ª passage, has had its characteristics analysed. The cells presented morphology similar to fibroblasto throughout their culture. The cellular growth proportion remained unaltered from its isolation, with a cloning efficiency of around 9%. The line showed growth dependent on anchorage and chromosomic analysis presented the modal number of the species with small variations to about one chromosome, to a total of about 50%. The line's species of origin was confirmed through indirect imunofluorescence reaction and susceptibility to some viruses with cytopatic effect was verified with vaccinia, cowpox, herpes simplex types 1 and 2 and rubella viruses. This cellular substract is free from contaminating agents, thus satisfying the conditions for its use in scientific work, especially that relating to public health. <![CDATA[<B>Sick building syndrome in bank-clerks</B>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-89101992000600005&lng=en&nrm=iso&tlng=en Foram identificadas associações entre conforto ambiental e sinais e sintomas entre trabalhadores expostos a ambientes fechados, ou seja, ambientes com ventilação e climatização artificiais. A população de estudo compreendeu 312 trabalhadores bancários distribuídos em dois edifícios localizados na Cidade de São Paulo. O delineamento é transversal com questionários autodirigidos, e a técnica de análise foi a regressão logística. A Síndrome dos Edifícios Doentes definida pela Organização Mundial da Saúde foi dividida em uma síndrome de sintomas gerais e em uma síndrome de sintomas de irritação de membrana mucosa. Foram relevantes para sintomas gerais, o sexo feminino, a organização do trabalho e a temperatura inadequada. Para sintomas de irritação de membrana mucosa, foram relevantes o sexo feminino e a temperatura inadequada. A organização do trabalho foi relevante para absenteísmo.<hr/>This study seeks, for the first time, to identify the sick building syndrome in Brazil. The study population consisted of 312 bank-clerks distributed in two closed buildings situated in S.Paulo city, Brazil. Data were collected by questionnaire, the design was cross-sectional and analysis made by logistic regression. Female, job satisfaction and inappropriate temperature were related to general symptoms. Female and inappropriate temperature were related to mucus membrane symptoms. Job satisfaction was related to absenteeism. <![CDATA[<B>Prevalence of dental caries in schoolchildren in a metropolitan region of the Córdoba Province, Argentina</B>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-89101992000600006&lng=en&nrm=iso&tlng=en Se describen los resultados de un estudio epidemiológico del estado de la salud bucal en escolares de nivel primario (6 y 12 años) matriculados en establecimientos municipales, provinciales y privados de la Ciudad de Córdoba, Provincia de Córdoba, Argentina. En los niños de 6 años de escuelas municipales, la prevalencia de caries en elementos temporarios fue de moderada a alta, resultando baja para los escolares provinciales y privados (ceo-d = 4,44 , 2,31 y 1,27, respectivamente). Tanto en escolares municipales como provinciales, los componentes de mayor peso en el ceo-d fueron dientes cariados y con extracción indicada, en tanto que en los privados correspondió a dientes obturados. La proporción de niños sin caries activa fue de 13,6% en las escuelas municipales, 52,2% en las provinciales y 76,9% en las privadas. En los escolares de 12 años, la prevalencia de caries en dentición permanente resultó baja y comparable en los tres grupos de escuelas, registrándose un índice CPO-D que osciló entre 1,85 (municipales) y 2,59 (privados). Para ambas edades, las necesidades de tratamiento odontológico fueron elevadas en las tres poblaciones escolares. Se concluye que los niveles de salud dental alcanzados por los escolares municipales y provinciales a la edad de 12 años deben atribuirse principalmente al impacto producido por la aplicación de medidas preventivas, cuya eficiencia podría ser aumentada si se orientaran a atender edades más tempranas, sobre todo en las poblaciones de mayor riesgo.<hr/>The results of a dental health epidemiologic study in primary school-children (aged 6-12) attending both public (municipal and provincial) and private schools in the city of Cordoba are described. The incidence of deciduous teeth caries was from moderate to high among the 6-year-old school-children from municipal schools but it was low in the provincial and private schools (dmf-t = 4.44, 2.31 and 1.27 respectively). Among both provincial and municipal school-children the most significant component corresponded to teeth with caries and diagnosed extraction, whereas in private school-children it corresponded to filled teeth. The absence of active caries in children was 13.6% in municipal schools, 52.2% in provincial schools and 76.9% in private schools. In 12-year-old school-children, the prevalence of caries in permanent teeth was at the same low level in all schools with a DMF-T ranging from 1.85 (municipal) to 2.59 (private). In general, the need for dental treatment was considerable in all schools. It is concluded that the dental health levels achieved by municipal and provincial schools at the age of 12 must be attributed mainly to preventive measures; should children be assisted eralier, the results would be enhanced.<hr/>Descrevem-se os resultados de um estudo epidemiológico do estado de saúde bucal em escolares de nível primário (6 e 12 anos) matriculados em estabelecimentos municipais, estaduais e privados da Cidade de Córdoba, Província de Córdoba, Argentina. Nas crianças de 6 anos de escolas municipais, a prevalência de cáries em dentes temporários foi de moderada a alta, resultando baixa para os escolares de estabelecimentos estaduais e privados (ceo-d = 4,44; 2,31 e 1,27, respectivamente). Tanto em escolares municipais como estaduais, os componentes de maior peso no ceo-d foram dentes cariados e com extração indicada, enquanto que nos privados correspondeu a dentes obturados. A proporção de crianças sem cárie activa foi de 13,6% nas escolas municipais, 52,2% nas estaduais e 76,9% nas privadas. Nas crianças de 12 anos, a prevalência de cáries em dentes permanentes resultou baixa e comparável nos três grupos de escolares, registrando-se um índice CPO-D que oscilou entre 1,85 (municipais) e 2,59 (privados). Para ambas as idades, as necessidades de tratamento odontológico foram elevadas nas três populações de escolares. Conclui-se que os níveis de saúde bucal atingidos pelos escolares municipais e estaduais na idade de 12 anos devem atribuir-se principalmente ao impacto produzido pela aplicação de medidas preventivas, cuja eficiência poderia se aumentada se fossem orientadas a atender idades menores, sobretudo nas populações de maior risco. <![CDATA[<B>Assessment of a strategy for the control of respiratory diseases in children</B>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-89101992000600007&lng=en&nrm=iso&tlng=en A programme for the control of respiratory diseases in children was conceived for the State of S. Paulo, Brazil, in 1986. Its progress thereafter and the epidemiology of the diseases concerned are examined. Apart from an inquiry into the 64 existing State local health authorities, a sample of 18,255 cases of children assisted by the programme at different levels, including both in-patient and outpatient care, is analysed. Each case record included information about identification (child, doctor and health facility), reasons for calling, diagnoses made and outcome of treatment. Further data were also sought from hospitals and from State mortality records. The programme was found to be poorly implemented in the State but, where implemented, it showed itself capable of resolving problems (only 0.5% of the cases could not be handled) as also of changing ongoing trends (more than 50% reduction in hospital admission rates). Individual assessment of each item of the programme indicated its bottlenecks. Regarding the epidemiology of respiratory diseases, it is observed that the major burden to health services comes from children aged less than five, and that the most important diseases are wheezing illnesses and pneumonia. Morevoer, they were found to be significantly associated (p = 0.000) so that a child in the community presenting wheezing diseases is 5 times more likely to develop pneumonia than a child with any other respiratory diagnosis. Similarly, among the under five deaths it was found that the risk for pneumonia is 3 times greater for children who died presenting wheezing diseases than it is for children with any other sort of diagnosis. In conclusion, the programme is deemed to be efficient and effective but its efficacy is marred by administrative flaws. The successful control of respiratory problems in childhood is related to a proper appreciation of the importance of wheezing diseases.<hr/>Foi proposto programa para o controle de doenças respiratórias na infância (Programa DRI) para o Estado de São Paulo, Brasil, em 1986. Sua evolução desde então e a epidemiologia dessas doenças são examinadas. Além de inquérito nos 64 Escritórios Regionais de Saúde (ERSAs) existentes, é analisada uma amostra de 18.255 casos de crianças atendidas pelo Programa, em seus diferentes níveis, incluindo hospitais. Cada registro incluiu informação sobre identificação (da criança, do médico, da unidade de saúde), diagnósticos realizados, e resultado do tratamento. Outros dados foram também buscados em hospitais e registros estaduais de mortalidade. O Programa apresentou baixos níveis de implantação, mas onde foi implantado mostrou boa resolubilidade (apenas 0,5% dos casos não puderam ser tratados pelo Programa) e bom impacto (mais de 50% de redução em internações). Do total de 64 ERSAs existentes à época, 28 tinham o Programa implantado (44%), sendo 20 do interior do Estado e 8 da região metropolitana de São Paulo. A amostra estudada era composta de atendimentos realizados em 7 ERSAs, 3 do interior e 4 da Grande São Paulo. A eficácia do Programa foi calculada pela medida de cobertura de metas do Programa nesses 7 ERSAs estudados, tendo-se encontrado as seguintes medidas: implantação de comissão executiva local - 0%; implantação de sistema de referência - 30%; implantação de ambulatório 1 - 100%; implantação de unidade de retaguarda - 57%; implantação de ambulatório 2 - 57%; implantação de enfermarias para pacientes DRI - 86%. A eficiência de cada nível do Programa foi avaliada pela proporção de casos resolvidos autonomamente, tendo-se encontrado os seguintes resultados: ambulatório 1 -92,95%; ambulatório 2 - 98,21%; unidade de retaguarda - 38,41% e unidade de internação - 98,36%. Em relação à epidemiologia das doenças respiratórias, encontrou-se que a faixa etária mais importante é a de menores de 5 anos e que as principais doenças são as que apresentam com chiado e a pneumonia. Encontrou-se uma associação significativa (p = 0.000) entre ambas, de forma que uma criança na comunidade que tenha uma doença com chiado tem chances 5 vezes maiores de apresentar pneumonia do que uma criança que tenha outro diagnóstico respiratório. Da mesma forma, encontrou-se que crianças que tenham ido a óbito apresentando doenças chiadoras apresentam um risco de ter pneumonia que é 3 vezes maior do que crianças com quaisquer outros diagnósticos. Concluindo, o Programa é avaliado como eficiente e efetivo mas sua eficácia é prejudicada por deficiências administrativas. O controle efetivo dos problemas respiratórios deve considerar adequadamente a importância das doenças chiadoras. <![CDATA[<B>Geographical patterns of proportionate mortality for the most common causes of death in Brazil</B>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-89101992000600008&lng=en&nrm=iso&tlng=en Mortality due to chronic diseases has been increasing in all regions of Brazil with corresponding decreases in mortality from infectious diseases. The geographical variation in proportionate mortality for chronic diseases for 17 Brazilian state capitals for the year 1985 and their association with socio-economic variables and infectious disease was studied. Calculations were made of correlation coefficients of proportionate mortality for adults of 30 years or above due to ischaemic heart disease, stroke and cancer of the lung, the breast and stomach with 3 socio-economic variables, race, and mortality due to infectious disease. Linear regression analysis included as independent variables the % of illiteracy, % of whites, % of houses with piped water, mean income, age group, sex, and % of deaths caused by infectious disease. The dependent variables were the % of deaths due to each one of the chronic diseases studied by age-sex group. Chronic diseases were an important cause of death in all regions of Brazil. Ischaemic heart diseases, stroke and malignant neoplasms accounted for more than 34% of the mortality in each of the 17 capitals studied. Proportionate cause-specific mortality varied markedly among state capitals. Ranges were 6.3-19.5% for ischaemic heart diseases, 8.3-25.4% for stroke, 2.3-10.4% for infections and 12.2-21.5% for malignant neoplasm. Infectious disease mortality had the highest (p < 0.001) correlation with all the four socio-economic variables studied and ischaemic heart disease showed the second highest correlation (p < 0.05). Higher socio-economic level was related to a lower % of infectious diseases and a higher % of ischaemic heart diseases. Mortality due to breast cancer and stroke was not associated with socio-economic variables. Multivariate linear regression models explained 59% of the variance among state capitals for mortality due to ischaemic heart disease, 50% for stroke, 28% for lung cancer, 24% for breast cancer and 40% for stomach cancer. There were major differences in the proportionate mortality due to chronic diseases among the capitals which could not be accounted for by the social and environmental factors and by the mortality due to infectious disease.<hr/>Em razão de a mortalidade por doenças crônico -degenerativas estar aumentando no Brasil, com correspondente redução das doenças infecciosas, foi realizado estudo comparativo entre 17 capitais brasileiras em relação à mortalidade proporcional para as principais causas de morte em 1985. Foram calculados coeficientes de correlação entre a mortalidade proporcional decorrente de doença isquêmica do coração, doença cerebrovascular, câncer de pulmão, mama e estômago e 3 variáveis socioeconômicas, raça e a mortalidade proporcional por doenças infecciosas. A análise multivariada através de regressão linear incluiu como variáveis independentes os percentuais de: analfabetismo, casas com instalação domiciliar de água, renda média, população da cor branca, faixa etária e sexo. As variáveis dependentes foram as percentagens de óbito devido a cada uma das doenças crônico-degenerativas em estudo, por grupo de idade e sexo. Os resultados mostraram que as doenças crônico-degenerativas são importantes causas de morte em todas as regiões do país. A doença isquêmica do coração, a doença cerebrovascular e as neoplasias malignas foram responsáveis por mais do que 34% da mortalidade em todas as capitais estudadas. A mortalidade proporcional variou de forma marcante entre as capitais estudadas, com amplitudes de variação de 6,3-19,5% para a doença isquêmica do coração, 8,3-25,4% para a doença cerebrovascular, 2,3-10,4% para infecções e 12,2-21,5% para as neoplasias malignas. A mortalidade proporcional por infecções apresentou a maior correlação com os indicadores socioeconômicos (p < 0,001), sendo acompanhada pela doença isquêmica do coração (p < 0,05). O alto nível socioeconômico relacionou-se com menor percentagem de mortalidade por infecções e mais alta percentagem de doença isquêmica do coração, enquanto que a mortalidade por doença cerebrovascular e câncer de mama não se associaram com os indicadores socioeconômicos. Os modelos de análise multivariada explicaram 59% da variação entre as capitais, para a doença isquêmica do coração, 50% para a doença cerebrovascular, 28% para o câncer de pulmão, 24% para o câncer de mama e 40% para o câncer de estômago. As importantes diferenças geográficas encontradas para a mortalidade proporcional devido às doenças crônico-degenerativas não podem ser totalmente explicadas pela variação na mortalidade por doenças infecciosas e pelos fatores socioeconômicos estudados, sugerindo a existência de fatores de risco específicos. <![CDATA[<b>Body mass index as a tool in the nutritional assessment of adults</b>: <b>a review</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-89101992000600009&lng=en&nrm=iso&tlng=en São discutidas as virtudes, limitações e possíveis aplicações do índice de massa corporal (IMC), também chamado de índice de Quételet, que é calculado pela divisão da massa corporal em quilogramas pelo quadrado da estatura em metros, como indicador do estado nutricional de adultos. Baseado numa revisão ampla da literatura, os limites de corte para a definição de sobrepeso (IMC &sup3; 25) e desnutrição energética crônica (IMC < 18,5) são apresentados e discutidos. Conclui-se que apesar de não representar a composição corporal de indivíduos, a facilidade de sua mensuração e a grande disponibilidade de dados de massa corporal e estatura parecem ser motivos suficientes para a utilização do IMC em estudos epidemiológicos, em associação (ou não) a outras medidas antropométricas, até que metodologias de campo que expressem a composição corporal sejam desenvolvidas para tais estudos.<hr/>The limitations and possible uses of the body mass index (BMI) or Quételet index, calculated as the ratio of body mass (kg), and squared stature (m), as an indicator of the nutritional status of adults, are reviewed. The cut-off values for overweight (BMI &sup3; 25) and chronic energy deficiency (BMI < 18.5) are discussed in the light of the available international literature. Even though BMI does not assess the body composition (BC) of individuals, the case with which it is measured is a strong argument for the use of BMI in epidemiological studies associated otherwise with other anthropometric measurement until such a time as simpler field methods of the assessment of BC are developed. <![CDATA[<B>Factors associated with the non-utilization of contraceptives in adolescence</B>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-89101992000600010&lng=en&nrm=iso&tlng=en Elaborou-se revisão crítica da literatura sobre os fatores associados ao não uso de anticoncepcionais, na adolescência. Procurou-se integrar resultados de pesquisa, tanto no sentido de uma maior compreensão da vulnerabilidade do adolescente para problemas como a gravidez indesejada e a AIDS, quanto para o desenvolvimento de uma educação sexual mais efetiva e realista para esta faixa etária.<hr/>The literature concerning the major correlates of the non-utilization contraceptives in adolescence is critically reviewed. Research findings are analyzed and discussed in terms of their contribution not only to a deeper understanding of adolescents' risk-taking sexual behavior, but also to the implementation of more effective and realistic sexual education for this age-group.