Scielo RSS <![CDATA[Ciência & Saúde Coletiva]]> http://www.scielosp.org/rss.php?pid=1413-812320080009&lang=en vol. 13 num. lang. en <![CDATA[SciELO Logo]]> http://www.scielosp.org/img/en/fbpelogp.gif http://www.scielosp.org <![CDATA[<b>The indexation of Ciência & Saúde Coletiva by Isi/Thomson and our test of fire</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900001&lng=en&nrm=iso&tlng=en <![CDATA[<b>Public healthcare policy in Brazil</b>: <b>crossroads and choices</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900002&lng=en&nrm=iso&tlng=en Ao lado do reconhecimento dos avanços do SUS e irreversibilidade dos mesmos, o autor identifica questões estruturais pendentes nos mais de dezessete anos da Lei Orgânica da Saúde, nos modelos de gestão do sistema e dos serviços, nos modelos de atenção à saúde e na participação democrática, desvelando pressupostamente a encruzilhada. São avaliados cenários da conjuntura atual, do Pacto pela Vida, em Defesa do SUS e de Gestão, da Regulamentação da EC-29 e do PAC -Saúde e suas intersecções. São apontados alguns equacionamentos e, ao final, uma lembrança da sucessão das três conjunturas: dos anos oitenta, dos noventa e da década atual, visando contribuir para as buscas e escolhas de rumos. Este texto passou por versões anteriores que receberam importantes correções e aprimoramentos.<hr/>Besides recognizing the irreversible advances made in the Brazilian Health System, the author unveils the crossroad by identifying questions still pending over the more than seventeen years of the Organic Law on Health - in the management models of the system and of the services, in the healthcare models, in the democratic participation. Scenarios of the current situation are evaluated, the Pact in favor of Life, the Brazilian Health System, the EC-29 regulation (Amendment to the Constitution) and the Plan for Growth Acceleration in Health and its intersections. The author points to some solutions and finally refers to three successive conjunctures - the 80s, the 90s and the present decade - aiming to contribute to the search and choice of directions. This text passed through previous versions that received important corrections and improvements. <![CDATA[<b>How to reinvent the management and functioning of public systems and organisms of the state?</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900003&lng=en&nrm=iso&tlng=en Ao lado do reconhecimento dos avanços do SUS e irreversibilidade dos mesmos, o autor identifica questões estruturais pendentes nos mais de dezessete anos da Lei Orgânica da Saúde, nos modelos de gestão do sistema e dos serviços, nos modelos de atenção à saúde e na participação democrática, desvelando pressupostamente a encruzilhada. São avaliados cenários da conjuntura atual, do Pacto pela Vida, em Defesa do SUS e de Gestão, da Regulamentação da EC-29 e do PAC -Saúde e suas intersecções. São apontados alguns equacionamentos e, ao final, uma lembrança da sucessão das três conjunturas: dos anos oitenta, dos noventa e da década atual, visando contribuir para as buscas e escolhas de rumos. Este texto passou por versões anteriores que receberam importantes correções e aprimoramentos.<hr/>Besides recognizing the irreversible advances made in the Brazilian Health System, the author unveils the crossroad by identifying questions still pending over the more than seventeen years of the Organic Law on Health - in the management models of the system and of the services, in the healthcare models, in the democratic participation. Scenarios of the current situation are evaluated, the Pact in favor of Life, the Brazilian Health System, the EC-29 regulation (Amendment to the Constitution) and the Plan for Growth Acceleration in Health and its intersections. The author points to some solutions and finally refers to three successive conjunctures - the 80s, the 90s and the present decade - aiming to contribute to the search and choice of directions. This text passed through previous versions that received important corrections and improvements. <![CDATA[<b>Health care policies and health reform today</b>: <b>limitations and possibilities</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900004&lng=en&nrm=iso&tlng=en Ao lado do reconhecimento dos avanços do SUS e irreversibilidade dos mesmos, o autor identifica questões estruturais pendentes nos mais de dezessete anos da Lei Orgânica da Saúde, nos modelos de gestão do sistema e dos serviços, nos modelos de atenção à saúde e na participação democrática, desvelando pressupostamente a encruzilhada. São avaliados cenários da conjuntura atual, do Pacto pela Vida, em Defesa do SUS e de Gestão, da Regulamentação da EC-29 e do PAC -Saúde e suas intersecções. São apontados alguns equacionamentos e, ao final, uma lembrança da sucessão das três conjunturas: dos anos oitenta, dos noventa e da década atual, visando contribuir para as buscas e escolhas de rumos. Este texto passou por versões anteriores que receberam importantes correções e aprimoramentos.<hr/>Besides recognizing the irreversible advances made in the Brazilian Health System, the author unveils the crossroad by identifying questions still pending over the more than seventeen years of the Organic Law on Health - in the management models of the system and of the services, in the healthcare models, in the democratic participation. Scenarios of the current situation are evaluated, the Pact in favor of Life, the Brazilian Health System, the EC-29 regulation (Amendment to the Constitution) and the Plan for Growth Acceleration in Health and its intersections. The author points to some solutions and finally refers to three successive conjunctures - the 80s, the 90s and the present decade - aiming to contribute to the search and choice of directions. This text passed through previous versions that received important corrections and improvements. <![CDATA[<b>Public healthcare policy in Brazil</b>: <b>the Brazilian society and the construction of universality in the Brazilian health system</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900005&lng=en&nrm=iso&tlng=en Ao lado do reconhecimento dos avanços do SUS e irreversibilidade dos mesmos, o autor identifica questões estruturais pendentes nos mais de dezessete anos da Lei Orgânica da Saúde, nos modelos de gestão do sistema e dos serviços, nos modelos de atenção à saúde e na participação democrática, desvelando pressupostamente a encruzilhada. São avaliados cenários da conjuntura atual, do Pacto pela Vida, em Defesa do SUS e de Gestão, da Regulamentação da EC-29 e do PAC -Saúde e suas intersecções. São apontados alguns equacionamentos e, ao final, uma lembrança da sucessão das três conjunturas: dos anos oitenta, dos noventa e da década atual, visando contribuir para as buscas e escolhas de rumos. Este texto passou por versões anteriores que receberam importantes correções e aprimoramentos.<hr/>Besides recognizing the irreversible advances made in the Brazilian Health System, the author unveils the crossroad by identifying questions still pending over the more than seventeen years of the Organic Law on Health - in the management models of the system and of the services, in the healthcare models, in the democratic participation. Scenarios of the current situation are evaluated, the Pact in favor of Life, the Brazilian Health System, the EC-29 regulation (Amendment to the Constitution) and the Plan for Growth Acceleration in Health and its intersections. The author points to some solutions and finally refers to three successive conjunctures - the 80s, the 90s and the present decade - aiming to contribute to the search and choice of directions. This text passed through previous versions that received important corrections and improvements. <![CDATA[<b>The author replies</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900006&lng=en&nrm=iso&tlng=en Ao lado do reconhecimento dos avanços do SUS e irreversibilidade dos mesmos, o autor identifica questões estruturais pendentes nos mais de dezessete anos da Lei Orgânica da Saúde, nos modelos de gestão do sistema e dos serviços, nos modelos de atenção à saúde e na participação democrática, desvelando pressupostamente a encruzilhada. São avaliados cenários da conjuntura atual, do Pacto pela Vida, em Defesa do SUS e de Gestão, da Regulamentação da EC-29 e do PAC -Saúde e suas intersecções. São apontados alguns equacionamentos e, ao final, uma lembrança da sucessão das três conjunturas: dos anos oitenta, dos noventa e da década atual, visando contribuir para as buscas e escolhas de rumos. Este texto passou por versões anteriores que receberam importantes correções e aprimoramentos.<hr/>Besides recognizing the irreversible advances made in the Brazilian Health System, the author unveils the crossroad by identifying questions still pending over the more than seventeen years of the Organic Law on Health - in the management models of the system and of the services, in the healthcare models, in the democratic participation. Scenarios of the current situation are evaluated, the Pact in favor of Life, the Brazilian Health System, the EC-29 regulation (Amendment to the Constitution) and the Plan for Growth Acceleration in Health and its intersections. The author points to some solutions and finally refers to three successive conjunctures - the 80s, the 90s and the present decade - aiming to contribute to the search and choice of directions. This text passed through previous versions that received important corrections and improvements. <![CDATA[<b>Health promotion and empowerment</b>: <b>a reflection based on critical-social and post-structuralist perspectives</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900007&lng=en&nrm=iso&tlng=en Neste trabalho, descrevemos o arcabouço teórico e as estratégias centrais da Promoção à Saúde, seguidos de uma análise crítica tanto intra como extra-paradigmática ao ideário do referido movimento. A partir de uma perspectiva intra-paradigmática, privilegiamos o enfoque ao qual se filia a Promoção à Saúde, as teorias crítico-sociais, para analisar um dos seus conceitos estruturantes - o conceito de empoderamento -, explorando seu potencial para a transformação das práticas comunitárias e profissionais em saúde. A seguir, refletimos sobre a Promoção à Saúde a partir de uma perspectiva extra-paradigmática, buscando nas teorias pós-estruturalistas novas possibilidades analíticas para entender as relações de poder que se estabelecem a partir das práticas e políticas de Promoção à Saúde. Ao longo deste artigo, articulamos os princípios teóricos explorados a questões contextuais e a debates atuais na área da saúde no Brasil.<hr/>In this paper we describe the theoretical framework and the core strategies of health promotion followed by a critical intra- and extra-paradigmatic analysis of the key ideas of this movement. From an intra-paradigmatic perspective we privilege a critical social theory perspective for analyzing one of the key concepts of health promotion - empowerment - exploring its potential to transform community and professional practices in the field of health. Next, we reflect about health promotion from an extra-paradigmatic perspective, seeking in the post-structuralist theories new analytical possibilities for understanding the power relations that establish themselves on the basis of practices and policies of health promotion. Throughout this article, we articulate the explored theoretical principles to contextual questions and current debates in the field of health in Brazil. <![CDATA[<b>Strategic information for social interventions in health</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900008&lng=en&nrm=iso&tlng=en Na saúde pública, são comuns as ações de intervenção social para promover a saúde e prevenir doenças. Essas ações oferecem informação sobre saúde às comunidades, de maneira clara e acessível para gerar mudança de comportamento e para proporcionar a transferência da informação. Pesquisas bibliográficas, realizadas na área da Saúde e na Ciência da Informação, mostraram que o uso da informação de forma estratégica tem base no poder, no saber e na ética. Este trabalho quer demonstrar a importância de um tipo de informação usada nessas ações. É a informação como elemento de mudança na estrutura cognitiva do indivíduo da comunidade onde essas ações se desenrolam e, para tanto, foram criadas estratégias informacionais, a partir de conceitos extraídos da Comunicação, Lingüística, Cognição, Sociologia, Antropologia e Educação. Essas estratégias atuam no momento da transferência da informação; empregam a forma discursiva adequada; facilitam a percepção da informação pelo indivíduo; contextualizam a informação; atuam na imposição ou legitimação da informação; atuam na formação do indivíduo pela informação. A informação, empregada de forma estratégica, servirá como um elo entre os profissionais da saúde e as comunidades onde eles pretendem atuar.<hr/>In public health, social interventions for promoting health and preventing disease are common. Bibliographical investigations in the fields of Health and Information Science showed that the strategic use of information is based on power, knowledge and ethics. This paper shows the importance of information as an element of change in the cognitive structure of the individual, member of a community, where these actions take place. To this purpose, informational strategies were created based on concepts coming from areas such as Communication, Linguistics, Cognition, Sociology, Anthropology and Education. These strategies act at the moment the information is transferred; they use the appropriate speech pattern; facilitate the understanding of the information by the individual; put the information into context; act upon the imposition and legitimation of the information; and help educating the individual through information. Considering all these aspects, information used in a strategic way will be a link between health professionals and the communities they intend to change. <![CDATA[<b>Absenteeism profile in a state bank in Minas Gerais between 1998 a 2003</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900009&lng=en&nrm=iso&tlng=en O objetivo dessa pesquisa foi estudar o perfil do absenteísmo em uma empresa bancária estatal e estimar a prevalência de afastamentos pelas doenças que mais acometeram seus trabalhadores. Foi realizado um estudo transversal, descritivo e quantitativo abordando absenteísmo e prevalência de causas de afastamento em um banco estatal no estado de Minas Gerais, no período de 1998 a 2003. Os índices de absenteísmo apresentaram distribuição heterogênea, estando em queda no período estudado, exceto a taxa de freqüência, devido a modificações nos números que compõem seus numeradores e denominadores. As prevalências das doenças osteomusculares e dos distúrbios mentais e comportamentais foram 33,25 e 22,21 afastamentos por 1.000 trabalhadores, respectivamente. Houve predomínio de afastamentos de trabalhadores do sexo feminino, com idade entre 40 e 49 anos de idade, com tempo de empresa superior a 21 anos e com funções com menores valores de remuneração. O estudo indicou que as doenças osteomusculares e do tecido conjuntivo que antes predominavam na empresa estão em queda. Houve também ascensão dos distúrbios mentais e comportamentais, indicando possível mudança no perfil de adoecimento. Mais estudos são necessários para a explicação dos resultados observados.<hr/>The purpose of this paper was to study the profile of absenteeism in a state bank and to establish the more frequent causes for sick leaves among the members of the staff. A cross-cut, descriptive and quantitative study was developed for approaching absenteeism and its most frequent causes in a state bank in the state of Minas Gerais between 1998 and 2003. The absenteeism rates were homogenous, with a decrease during the period of the study, except for the frequency rates, as a result of alterations in their numerators and denominators. The prevalence of musculoskeletal diseases and mental disorders was of 33,25 and 22,21 leaves per 1,000 workers respectively. Leaves of women and workers in relatively low-pay positions, aged between 40 and 49, married, working in the institution for over 21 years predominated. The study indicated that sick leaves due to musculoskeletal diseases that where predominating before in the company are decreasing. On the other hand, there was an increase of cases of mental and behavioral disorders, indicating a possible change in the health profile. However, further studies will be necessary to corroborate these results. <![CDATA[<b>Evaluability assessment of a health care campagne for improving the access to ophthalmologic care in a central region of Brazil, 2004</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900010&lng=en&nrm=iso&tlng=en Com o objetivo de identificar as áreas prioritárias para avaliação sistemática da Campanha "De Olho na Visão", voltada para a ampliação do acesso à atenção oftalmológica ocorrida no estado de Goiás em 2004, realizou-se um estudo sobre sua avaliabilidade por intermédio da realização de entrevistas com informantes-chave e de análise documental. Elaborou-se um modelo lógico do qual foram derivados dimensões e critérios para avaliação. Submeteram-se esses critérios a um comitê de especialistas através da técnica de Delphi. Os resultados revelaram que a campanha encontrava-se estruturada o suficiente de modo a permitir a realização de avaliações sistemáticas a seu respeito. Verificou-se diversidade na compreensão acerca dos objetivos e da população-alvo, entre diferentes profissionais. Problemas relacionados com acessibilidade e efetividade indicam essas dimensões como áreas prioritárias para avaliação. O estudo também funcionou como uma pré-avaliação, gerando recomendações relacionadas com a logística. Os autores discutem a relevância da realização de estudos de avaliabilidade como etapa preliminar para a realização de avaliação de programas.<hr/>In order to identify the areas of priority for a systematic evaluation of a campaign for improving the access to ophthalmologic care - "Keep an eye on your vision", occurred in the state of Goiás in 2004, an evaluability assessment was conducted by means of interviews with key-informants and document analysis. A logical model was developed for providing dimensions and criteria for evaluation. This framework was submitted to a panel of experts using the Delphi method. The results revealed that the campaign was sufficiently structured to allow for systematic evaluations. Differences in the interpretation of the objectives and of the target population of the campaign between the experts were verified. Problems related to accessibility and effectiveness indicated these components as priorities for evaluation. The authors discuss the relevance of evaluability assessment as a preliminary stage for the evaluation of programs. <![CDATA[<b>The relation mother/child with disabilities</b>: <b>feelings and experiences</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900011&lng=en&nrm=iso&tlng=en O presente estudo investiga os sentimentos e as experiências de pais e mães de crianças com deficiência. Surge das motivações em compreender o cotidiano dos pais e mães de crianças com deficiência integrante do Projeto de Psicomotricidade Relacional da UNIVATES. De corte qualitativo, trata-se de um estudo etnográfico. Os instrumentos utilizados para a coleta de informações são: entrevistas, diários de campo e análise documental. A temática aborda os seguintes aspectos teóricos: a relação primária, a relação do profissional da saúde e a relação social da criança com necessidades especiais. O processo de coleta de informações permitiu organizar as seguintes categorias: a) sentimentos manifestos no nascimento de um filho com deficiência; b) comportamento dos profissionais da área da saúde no ato de dar a notícia aos pais; c) necessidades dos pais e mães na relação com os demais familiares e a sociedade e sentimentos e e) necessidades envolvidas na perspectiva de educar uma criança com deficiência. Conclui-se que os pais e mães das crianças com necessidades especiais reavaliam seus conceitos iniciais, aprendem a valorizar as potencialidades da criança e requisitam contínuos reforços em suas estimas pessoais que os auxiliam no processo educativo de seus filhos.<hr/>The present study aims at investigating the feelings and experiences of parents of children with disabilities. It was motivated by the idea of understanding the daily life of the parents of children that take part in the Relational Psychomotricity Project at UNIVATES. The protagonists of the study are the parents integrated in the project. The instruments used for data collection in this ethnographic qualitative study were interviews, field reports and analysis of documents. The study approached the following theoretical aspects: the primary relation, the medical relation and the social relation of the child with disability. The information is organized into the following categories, a) the feelings of the parents on occasion of the birth of a child with disability, b) the behavior of the medical staff when telling the fact to the parents, c) the needs of the parents in regard to their relations with their relatives and society, d) the feelings and needs with respect to educating a child with disability. The article concludes that the parents of children with disability re-evaluate their initial concepts, learn to value the potentialities of the child and require continuing reinforcement of their self-esteem for helping them in the educational process of their children. <![CDATA[<b>Ethnography of health care after hospital discharge</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900012&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este texto apresenta uma compreensão de como a abordagem antropológica de Clifford Geertz contribui para estudos e investigações sobre o cuidado de saúde. Geertz apóia-se numa concepção de cultura essencialmente semiótica; adota a descrição densa como eixo das elaborações interpretativas, defendendo a interpretação cultural como ciência que possibilita compreender processos e construir conhecimentos. Apresentaremos uma leitura de elementos constitutivos do pensamento desse autor, que consideramos relevantes à compreensão da experiência humana ao lidar com o processo saúde doença. Do campo da saúde coletiva, a questão que nos desafia é como famílias lidam com a necessidade de praticar cuidados de saúde com um membro doente que demanda cuidados específicos após uma alta hospitalar. Adotamos como pretexto essa questão para expor essa abordagem teórica, articulando os dois campos. O microfoco é o cuidado de saúde que ocorre fora do ambiente cultural em que os cuidados técnicos, rebuscados pelo saber científico, acontecem. Discutiremos brevemente como essa questão se evidencia num objeto de estudo e como ela pode ser investigada segundo a etnografia proposta por Geertz, possibilitando, ao final, considerações que contribuem para a construção do conhecimento no campo da Saúde Coletiva.<hr/>This paper presents an analysis of how Clifford Geertz' anthropological approach contributes to studies and investigations on health care. Geertz' approach relies basically on a semiotic conception of culture adopting thick description as the axis for interpretive elaborations and defending cultural interpretation as a science allowing to understand processes and to construct knowledge. We will present an overview of some constitutive elements of that author's thoughts we consider relevant for understanding the human experience of dealing with the disease/health process. The challenging question is how families deal with the need to provide care to a diseased relative after hospital discharge. We use this issue as an excuse for expounding this theoretical approach, interweaving the two areas. The micro-focus is the kind of healthcare that takes place outside the cultural environment where the technical forms of care based on scientific knowledge occur. We will briefly discuss how this question becomes evident in an object of study, and how it can be investigated according to the ethnography proposed by Geertz (op. cit.), allowing, in the end, for some considerations that further contribute to the construction of knowledge in public health. <![CDATA[<b>The relation between socio-economic class and demographic factors in the occurrence of temporomandibular joint dysfunction</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900013&lng=en&nrm=iso&tlng=en Diferentes fatores como estresse e oclusão podem diminuir a capacidade adaptativa do aparelho estomatognático e levar à ocorrência da disfunção temporomandibular (DTM). Objetivou-se neste estudo verificar a relação da classe econômica, escolaridade, sexo e idade na ocorrência da disfunção temporomandibular. A população deste estudo constituiu-se em uma amostra estatisticamente significativa de indivíduos de ambos os sexos pertencentes a diferentes classes econômicas da zona urbana do município de Piacatu, São Paulo, Brasil. Utilizou-se o Critério de Classificação Econômica Brasil (CCEB) para a estratificação econômica da população. Retirou-se uma amostra de cada estrato, na qual se aplicou o Questionário de Fonseca para verificar o grau de DTM. Os dados coletados foram analisados estatisticamente por meio do teste qui-quadrado, com nível de significância de 5%. No total, participaram da pesquisa 354 chefes de família. Não houve relação estatisticamente significativa entre classe econômica, escolaridade e faixa etária com a disfunção temporomandibular (DTM). Existiu relação entre sexo e DTM (p<0,02). As variáveis classe econômica, escolaridade e faixa etária não influenciam na ocorrência da DTM; entretanto, existe significância quanto ao sexo do indivíduo.<hr/>Different factors like stress and occlusion can decrease the adaptive capacity of the stomatognathic system and lead to the occurrence of temporomandibular dysfunction (TMD). The objective of this study was to verify the relation of the variables socio-economic level, schooling, sex and age with the occurrence of temporomandibular dysfunction. The population of this study consisted of a statistically significant sample of subjects of both sexes belonging to different socio-economic classes living in the urban area of the city of Piacatu, São Paulo, Brazil. The Criterion of Economic Classification Brazil (CCEB) was used for the economic stratification of the population. Fonseca's Questionnaire was applied to samples collected from each extract to verify the level of TMD. The data collected were statistically analyzed using the Chi-square Test, with a significance level of 5%. In total, 354 heads of families participated in the research. No statistically significant relation was found between socio-economic class, schooling, age group and temporomandibular dysfunction (TMD). There was a relation between sex and TMD (p<0,02). The variables socio-economic class, schooling and age group had no influence upon the occurrence of TMD, however there is a significant relation with the sex of the individual. <![CDATA[<b>A new protocol for use and storage of tooth-brushing material for school children</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900014&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este trabalho avaliou o material de higiene bucal usado em escolas para estabelecer um protocolo às ações de higiene bucal coletiva. O estudo foi dividido em duas etapas: 1ª- 20 responsáveis pelos procedimentos coletivos com escolares de Bauru e São José dos Campos - SP responderam a dois questionários sobre o uso de cinco kits de higiene bucal coletiva. A análise estatística foi realizada através do teste Wilcoxon (p < 0,05); 2ª - 178 escolares de 4 a 8 anos de Bauru e Bariri-SP dispensaram na escova uma quantidade de creme dental e dentifrício líquido para a prática da escovação, a qual foi pesada através de uma balança portátil. A análise estatística foi obtida através do coeficiente de correlação de Pearson e a análise de covariância (p< 0,05). O kit 5 obteve graus de satisfação e muita satisfação quando comparado aos kits 1 a 4. A quantidade de creme dental dispensada pelos escolares foi em média 0,41g (Bauru) e 0,48g (Bariri). Não houve diferença estatística entre os escolares de Bauru e Bariri em relação ao dentifrício líquido (média de 0,15g). O dentifrício líquido, através da "técnica da gota", foi considerado prático, dispensando uma pequena quantidade padronizada. O kit 5 demonstrou ser uma boa alternativa ao estabelecimento de um protocolo de ações em saúde bucal coletiva no SUS.<hr/>The aim of this study was to evaluate the storage and distribution of toothbrushing material for school children. Twenty individuals responsible for the collective oral hygiene of school children from Bauru - SP and São José dos Campos - SP participated in the first stage of the study, answering 2 questionnaires about five different kits for use by school children. The statistical analysis was performed using Wilcoxon (p<0,05). In the second stage, the amount of toothpaste or liquid cleanser applied to the toothbrush by 178 school children aged 4 to 8 years from 2 cities from the state of São Paulo (Bauru e Bariri) was weighed using a portable balance. The statistical analysis was obtained by using Pearson's correlation coefficient and analysis of covariance (p <0,05). Kit 5 obtained levels of satisfaction and high satisfaction when compared with the others kits (1 - 4). The school children from Bauru (0,41g) used smaller amounts of toothpaste than the school children from Bariri (0,48g). The average of the amount of liquid cleanser applied by the sample was 0,15g. The "drop technique" (liquid cleanser) was considered practical for dispensing a small, standardized quantity of the product. Kit 5 was considered a good alternative for establishing a collective oral health protocol in the Brazilian health system. <![CDATA[<b>Perceptions of veterinary medicine students about acting in the public health area</b>: <b>a study based on Fleck's idea of "thought style"</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900015&lng=en&nrm=iso&tlng=en Como parte de um estudo de caso, que teve como objeto o curso de medicina veterinária da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), calouros e formandos foram entrevistados com o objetivo de identificar suas impressões sobre as atividades no âmbito da medicina veterinária preventiva e saúde pública. Tendo como referencial o pensamento de Ludwik Fleck, estabeleceu-se uma correspondência entre os diversos campos de atuação na medicina veterinária e estilos de pensamento, utilizando essas categorias como instrumento de análise. Verificou-se que o ensino veterinário conduz à formação de um pensamento que não privilegia concepções com características coletivas e preventivas. No final do artigo, são feitas sugestões ressaltando a importância da integração entre os diversos campos de atuação da profissão na formação profissional com base nas Diretrizes e Bases da Educação Nacional de 1996.<hr/>As part of a case study conducted in the undergraduate course of Veterinary Medicine of the State University of Santa Catarina (UDESC), Brazil, freshmen and senior students were interviewed for identifying how they perceive their activities as refers to Preventive Veterinary Medicine and Public Health. Taking the ideas of Ludwik Fleck as a theoretical framework, a correspondence was established among the different fields of activity in Veterinary Medicine and the variations in "thought styles", a key idea in Fleck's epistemology, allowing for the definition of analytical categories. It was verified that the teaching in the field of veterinary medicine leads to a thought style giving little importance to collective and preventive concepts. In the end of the article, we emphasize the importance of integration between the different fields of actions of the profession for a better professional education based on the National Guidelines and Bases for Education of 19965. <![CDATA[<b>Autonomy as a central criterion in the concept of health promotion</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900016&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este artigo expõe os conceitos centrais do estudo de múltiplos casos: "Promoção de Saúde na Atenção Básica". O estudo foi conduzido pelo Nescon-UFMG em 2005 em doze experiências de promoção da saúde realizadas por equipes do Programa de Saúde da Família (PSF) em diversas regiões do Brasil. Após revisão teórica e pesquisa de campo, a definição de promoção da saúde adotada foi a atuação para a melhoria da saúde, anterior e independente a qualquer patologia ou agravo, ampliando-se o controle das pessoas sobre a própria saúde. Também concluímos que a ampliação da autonomia, vista como ampliação das capacidades e possibilidades de escolha das pessoas, é a categoria central e o critério definidor da atuação em promoção de saúde.<hr/>This article presents the central concepts of the multiple case study "Health Promotion in Primary Care" conducted by Nescon-UFMG in 2005. Teams of the Family Health Program developed twelve health promotion experiences in different Brazilian regions. After a conceptual revision and field research, health promotion was defined as the process of improving the health of people independently of any previous disease or injury, helping them to increase control over their health. We also concluded that an increased autonomy, understood as the capacity and possibility of the persons to choose, is the central category and criterion for defining health promotion practices. <![CDATA[<b>Palliative care</b>: <b>interfaces, conflicts and necessities</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900017&lng=en&nrm=iso&tlng=en O tipo de assistência prestado para pacientes com doenças avançadas e terminais tem sido objeto de intenso debate na literatura especializada. Este artigo descreve e analisa, a partir de revisão da literatura, as intervenções possíveis no fim da vida, com especial ênfase aos cuidados paliativos, um modelo em expansão no mundo. Analisa, a partir de uma perspectiva bioética, alguns dos aspectos moralmente relevantes que envolvem estas práticas, que tendem a ser conflituosas entre si, e, especificamente, dentro do campo dos cuidados paliativos, destaca certas dificuldades e desafios em torno da centralidade da autonomia, considerada um dos pilares para boas práticas de cuidados no fim da vida.<hr/>The kind of care delivered to patients with advanced and terminal diseases has been under intense debate in the specialized literature. This paper describes and analyzes, on the basis of a bibliographic review, medical care practices at the end of life, with special emphasis to palliative care, a model expanding worldwide. It analyzes, from the perspective of bioethics, some morally relevant aspects involving these practices, that tend to conflict among themselves. Specifically in the field of palliative care the paper emphasizes certain difficulties and challenges involving autonomy, considered one of the cornerstones of good end of life care practices. <![CDATA[<b>Active teaching-learning methodologies in health education</b>: <b>current debates</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900018&lng=en&nrm=iso&tlng=en As vertiginosas transformações das sociedades contemporâneas têm colocado em questão, de modo cada vez mais incisivo, os aspectos relativos à formação profissional. Este debate ganha contornos próprios no trabalho em saúde, na medida em que a indissociabilidade entre teoria e prática, o desenvolvimento de uma visão integral do homem e a ampliação da concepção de cuidado tornam-se prementes para o adequado desempenho laboral. Com base nestas considerações, o objetivo do presente artigo é discutir as principais transformações metodológicas no processo de formação dos profissionais de saúde, com ênfase na apreciação das metodologias ativas de ensino-aprendizagem.<hr/>The vertiginous transformations of the contemporary societies have been raising questions concerning aspects of professional education. Such questions have been raised in a more and more incisive way. This debate gains a new shape when applied to health work, where theory and practice cannot be dissociated, and where the development of an integral vision of the human being and the amplification of the concept care are essential for a proper performance. Based on these considerations, this article aims to discuss the main methodological transformations in the education process of health professionals, with emphasis to active teaching-learning methodologies. <![CDATA[<b>Quality of life in the perception of women participating in educative workshops about back pain</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900019&lng=en&nrm=iso&tlng=en O objetivo deste estudo foi analisar a percepção da qualidade de vida de mulheres com dor nas costas, após terem participado de oficinas educativas para o autocuidado e prevenção desta sintomatologia. A pesquisa do tipo qualitativa foi realizada em uma instituição de ensino superior situada em Fortaleza, Ceará, Brasil, nos meses de abril e maio de 2005, com a participação de nove mulheres que haviam concluído oito oficinas. Para coleta de dados, usamos o grupo focal, o qual foi gravado e filmado. Os dados foram agrupados por categoria e analisados de forma seqüencial. Todas acharam que tinham boa qualidade de vida, mesmo apresentando pouca saúde, pouco dinheiro e sem emprego, mas isto era superado pela fé em Deus. Referiram que, antes das oficinas, a dor interferia nas atividades da vida diária e social e que, depois da intervenção, a dor havia diminuído ou desaparecido em todas as mulheres. A conscientização sobre o autocuidado proporcionou bem-estar físico, emocional, intelectual, potencializou a mobilidade e a tomada de decisões, o retorno às atividades, além de eliminar ou diminuir a medicação para dor. Percebemos a importância de avaliar a qualidade de vida para guiar-nos quanto às atitudes e terapêuticas mais eficazes.<hr/>The aim of this study was to analyze how women with back pain perceived their quality of life after having attended educational workshops on back pain directed to self-care and prevention. This qualitative study was conducted in a Higher Education Institution in Fortaleza, Ceará, Brazil, during the months April and May 2005, using a sample of nine women who had concluded eight workshops. The focal group method was selected for data collection, and the sessions were filmed and recorded. Data were grouped into categories and sequentially analyzed. All women thought they had a good quality of life, independently of having a poor health, no money and no a job. All this was overcome by their faith in God. All women reported that, before the workshops, the pain had interfered in their daily and social lives and that, after the intervention, the pain had calmed down or disappeared. The awareness of self-care provided physical, intellectual and emotional well being, improved mobility and decision-making and allowed them to return to their activities. Besides, it helped to eliminate or reduce pain medication. The study made us realize the importance of evaluating the quality of life in order to guide us in the choice of the most effective therapeutic measures. <![CDATA[<b>Polarization of dental caries in teen-agers in the southwest of the State of São Paulo, Brazil</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900020&lng=en&nrm=iso&tlng=en A saúde bucal na maioria dos municípios brasileiros constitui ainda um grande desafio aos princípios doutrinários do SUS. Este estudo objetivou analisar a prevalência de cárie dentária (CPOD) e as diferenças quanto ao gênero e localização geográfica, Significant Caries Index (SiC) e a porcentagem de livres de cárie no município de Itaí, São Paulo, em 2006. Utilizou-se a metodologia da OMS (1997), em uma população constituída por 390; destes, 178 adolescentes aos 12 anos de idade e que correspondem a 46% dos adolescentes matriculados nas escolas do município. O exame foi realizado por um único examinador. O teste kappa foi calculado com valor de concordância de 0,95. O índice CPOD foi de 2, 45, o SiC de 5, 08, e 30% dos indivíduos se apresentaram livres de cárie. Observou-se que 34% dos adolescentes concentraram 70% da doença demonstrando a ocorrência da polarização da cárie dentária. Foram encontradas diferenças estatisticamente significantes na comparação do CPOD entre a localização geográfica e o mesmo não aconteceu com o gênero. Concluiu-se que está ocorrendo a polarização da cárie dentária em adolescentes, aos 12 anos, mas esta ocorrência não se apresenta de forma homogênea. Os problemas se intensificam em uma pequena parcela da população.<hr/>In most Brazilian cities, oral health is still a challenge for the Brazilian Health System (SUS). The aim of this study was to analyze the prevalence of dental caries (DMFT index), the differences with regard to gender and geographic localization, Significant Caries Index and the percentages of caries-free adolescents in Itaí-SP - Brazil, in 2006. The methodology used was in agreement with the criteria established by the WHO. The sample was composed of 178 teen-agers, corresponding to 46% of the 12-years-old registered in the schools of the city. One single examiner performed the examination. The Kappa test method was used with an agreement rater of 0.95. The DMTF index was of 2.45, SiC of 5.08 and 30% of the adolescents were caries-free. It was observed that 70% of caries cases were concentrated in 34% of the adolescents. The data obtained showed a polarization of dental caries in 12-years-old adolescents, but this polarization was not uniform. The problems are concentrated in a small portion of the population. <![CDATA[<b>Radioprotection in dentistry offices</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900021&lng=en&nrm=iso&tlng=en Em 1998, o Ministério da Saúde estabeleceu as Diretrizes de Proteção Radiológica em Radiodiagnóstico Médico e Odontológico, visando garantir a qualidade nos procedimentos prestados à população e assegurar a proteção radiológica aos profissionais da saúde. O objetivo desta pesquisa foi verificar a situação dos consultórios odontológicos quanto às especificações técnicas preconizadas e às medidas de proteção adotadas, utilizando-se um questionário com itens sobre equipamentos, técnicas e proteção radiológica. O universo foi composto pelos cirurgiões-dentistas do município de Aracaju, Sergipe, que executam o exame radiográfico como rotina, sendo a amostra final de 103 profissionais. Dentre os resultados encontrados, destacam-se o alto índice de profissionais que desconhecem as normas atuais (64,1%) e as especificações técnicas de seus equipamentos (51,5% desconhecem a quilovoltagem e 57,3%, a miliamperagem), como também aqueles que utilizam o método visual de revelação (67%). Como condutas positivas, 62,1% dos pesquisados fazem uso da técnica do paralelismo e 98,1% utilizam a proteção plumbífera no paciente. Com isso, conclui-se que apesar de uma minoria conhecer as Diretrizes de Proteção, algumas medidas estão sendo corretamente adotadas; todavia, uma melhor conscientização se faz necessária.<hr/>In 1998, the Brazilian Ministry of Health established the Guidelines for Protection in Medical and Odontological Radiography, aimed at ensuring the quality of radiological procedures provided to the population as well as radiological protection for the health professionals. The purpose of this study was to verify the current situation in the dental offices with regard to the technical specifications and the adopted protective measures, using a questionnaire including questions about equipments, techniques and radiological protection. The investigated universe consisted of the surgeon dentists of the city of Aracaju using radiographic examination as a routine, resulting in a final sample of 103 professionals. The results showed that a high percentage of these professionals ignore the current norms (64,1%) as well as the technical specifications of their equipment (51,5% ignored the peak kilovoltage and 57,3% the milliamperage of their equipment), besides examining the radiographs visually (67%) As positive behaviors, the paralleling technique was preferred by 62,1% and the lead apron was used by 98,1%. We conclude that, despite the limited knowledge about the Guidelines, some measures are being correctly adopted but that the dentists have to be more aware of the necessary protective measures. <![CDATA[<b>Cortical aging and neural reorganization following cerebral vascular accident (CVA)</b>: <b>implications for rehabilitation</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900022&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este artigo apresenta uma síntese sobre o envelhecimento do córtex cerebral humano e uma revisão das abordagens para a reabilitação do controle motor após o acidente vascular encefálico (AVE). Na discussão sobre as implicações clínicas na compensação das perdas, é enfatizado que os profissionais de reabilitação devem incentivar os pacientes idosos a usarem os dois membros superiores para a realização das atividades da vida diária (AVDs) ao invés de reforçarem o uso do membro superior não afetado.<hr/>This article presents a synthesis on aging of the human cerebral cortex, and also a review of the approaches to motor control rehabilitation following a cerebral vascular accident (CVA). Throughout the discussion on the clinical implications, the author advises the rehabilitation professionals to encourage older patients perform their activities of daily living (ADL) using both upper extremities, rather than reinforcing the use of the unaffected upper extremity. <![CDATA[<b>Folk medicine using animals in the Chapada Diamantina</b>: <b>incidental medicine?</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900023&lng=en&nrm=iso&tlng=en Este trabalho analisa o sistema zooterápico tradicional de uma população afrodescendente na Chapada Diamantina, Bahia. A pesquisa foi conduzida ao longo de oito meses de trabalho nos quais foram realizadas entrevistas livres e semi-estruturadas, registro fotográfico e identificação de espécies. Busca-se, além da apresentação de uma lista de produtos oriundos de animais e seus respectivos usos, iniciar uma discussão sobre as possíveis razões para crença no potencial terapêutico ou profilático das frações e produtos animais amplamente utilizados na medicina tradicional de populações brasileiras.<hr/>This study examines the traditional therapeutic use of animals or parts of animals by an Afro Brazilian population living in the Chapada Diamantina, Bahia, Brazil. The investigation was conducted over a period of eight months and consisted of open- and semi-structured interviews, photographic documentation and identification of species. Besides presenting a list of animal products and their respective use, we seek to stimulate a discussion about the possible existence of a rational basis for the belief in the therapeutic or prophylactic potential of the animal products used in the traditional medicine of Brazilian populations. <![CDATA[<b>A study of factors associated to non-pharmacological treatment delivered by the Family Health Program in Ventosa, Belo Horizonte, to carriers of <i>diabetes mellitus</i></b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900024&lng=en&nrm=iso&tlng=en O diabetes mellitus vem se tornando um dos principais problemas de saúde pública no Brasil. Há vários fatores que podem contribuir para a baixa adesão ao tratamento. O objetivo deste estudo foi investigar a associação entre fatores educacionais, demográficos, socioeconômicos, de saúde, percepção da doença, suporte social e adesão ao tratamento não farmacológico em portadores de diabetes mellitus assistidos pelo Programa Saúde da Família do Centro de Saúde Ventosa, em Belo Horizonte. As informações foram obtidas através de entrevistas com 164 diabéticos que estavam aguardando o acolhimento do Centro de Saúde. Na análise univariada, verificou-se associação significante entre a adesão ao tratamento não farmacológico e baixa renda, local de residência, conhecimento sobre complicações, motivação com o tratamento, fazer parte de grupo de diabéticos e orientações recebidas pelo enfermeiro e fisioterapeuta. Após análise multivariada, as variáveis "motivação com o tratamento" e "faz parte de algum grupo de diabético" foram estatisticamente significativas para a adesão total (p<0,05). As variáveis "conhecimento sobre as complicações" e "local de residência - área de elevado risco" obtiveram limiar de significância estatística em relação à adesão total (p= 0,06), apresentando, no entanto, relação inversa.<hr/>Diabetes Mellitus is turning into one of the main public health problems in Brazil. Many factors may contribute to the low adherence to treatment. The objective of this study was to investigate the association between educational and social-economic factors and factors related to the health, the perception of disease, social support and adherence to non-pharmacological treatment of carriers of diabetes mellitus assisted in the family health program of the Health Center in Ventosa, Belo Horizonte. Data were collected in interviews with 164 diabetics who were waiting for assistance in the health center. Univariate analysis showed significant association between adhesion to the non-pharmacological treatment and low income; place of residence; knowledge about consequences; motivation with regard to the treatment; making part of a diabetics group and orientation received from the nurse and the physiotherapist. Multivariate analysis showed the variables " treatment motivation" and "part of some diabetics group", to be statistically significant as refers to the total adhesion (p <0,05). The variables "knowledge about consequences " and " place of residence - high risk area" were statistically significant as refers to the total adhesion (p < 0,06), however presenting an inverse relation. <![CDATA[<b>The knowledge of chagasic patients about their disease</b>: <b>collective construction of a research instrument and test of its applicability</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900025&lng=en&nrm=iso&tlng=en Relatamos a experiência de construção compartilhada de um instrumento de pesquisa (roteiro de entrevista) para investigar os saberes de pacientes chagásicos atendidos na Fundação Oswaldo Cruz. Profissionais de diferentes setores de pesquisa da instituição participaram da experiência de desenvolvimento do roteiro de entrevista semi-estruturada, passando por seis versões. O roteiro elaborado objetiva recolher dados para uma abordagem qualitativa das concepções e percepções de pacientes sob uma perspectiva de relações humanas no contexto de saúde e vida, identificando as vivências do processo de adoecer, seus conhecimentos sobre a doença (e a infecção), suas emoções, reações e afetos. Pontuamos aspectos teóricos oriundos da reflexão sobre as práticas sociológica e antropológica em ações em saúde coletiva. Submetido a teste para ajustes, o roteiro de entrevista confirmou-se adequado para o estudo de saberes de pacientes chagásicos, captando diversos aspectos subjetivos e cognitivos que podem ser úteis para a formulação de estratégias, ações e materiais informativos que contribuam para a melhoria e humanização da atenção ao paciente chagásico.<hr/>This article describes the collective construction of a research instrument (interview guideline) for investigating the knowledge of chagasic patients attended at the Chagas Disease Reference Center of the Oswaldo Cruz Foundation. A multi-professional team worked sequentially on six versions of the guideline for semi-structured interviews. The instrument aims collecting data for a qualitative approach to concepts and perceptions of the patients from the perspective of the human relationships in the context of life and health. It detects the individual experiences regarding the diseasing process, the knowledge about the disease (and the infection), the emotions, reactions, and affections. Some theoretical aspects were discussed based on sociological and anthropological practices used in public health actions. We performed a complete interview with a patient for testing and adjusting the instrument. The interview guideline was tested and showed to be a suitable instrument for investigating the knowledge of chagasic patients, covering many subjective and cognitive aspects. This knowledge can be a useful contribution to the development of strategies, actions and information material aimed at improving and humanizing the care delivered to Chagas disease patients. <![CDATA[<b>The quality of life of Brazilian and North-american adolescents with spina bifida</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900026&lng=en&nrm=iso&tlng=en A pesquisa tem como objetivo explorar a qualidade da vida de jovens portadores de espinha bífida em duas culturas, brasileira e norte-americana, norteada pelo conceito de qualidade de vida. O estudo, de caráter qualitativo, utilizou entrevistas semi-estruturadas e grupos focais em duas unidades de saúde especializadas no tratamento de jovens com espinha bífida, uma no Brasil e a segunda nos Estados Unidos. Os discursos dos jovens em questão refletem a necessidade de categorias mais englobantes que não remetam a uma pulverização da experiência de vida. Os resultados tornam evidente uma estrutura de desigualdade nas interações mistas e demonstram que o estigma se encontra presente em todas as dimensões da vida dos sujeitos, interferindo na inserção social, construção subjetiva, e auto-estima do jovem. Foram identificados dois campos de referência para a noção de qualidade de vida: (1) o micropolítico, que se refere aos valores, visões, crenças e expectativas sociais construídos a partir dos encontros face a face; e (2) o macropolítico, que diz respeito ao espaço público, ao âmbito da democracia dos direitos humanos.<hr/>The purpose of the present research is to explore and describe the quality of life of adolescents in two different cultural environments, the Brazilian and the North American. The point of reference of the investigation is the dimension encompassing the concept of quality of life. This qualitative research utilized semi-structured interviews and focal groups in two health-care units specialized in the care of youths with spina bifida, one in Brazil and another in the USA. The discourses reflected the need for more comprehensive categories of quality of life, not pulverizing the life experience. The results reveal inequality in the interactions between the healthy and the disabled and show that the stigma permeates all dimensions of the life of these individuals, interfering in their social inclusion, as well as in their subjective construction and self-esteem. Two fields of reference were identified for the concept of quality of life: (1) the micro-political that refers to social values, beliefs and expectations that are created through face to face encounters; and (2) the macro-political referring to the public universe, democracy and human rights. <![CDATA[<b>Health surveillance in a city in the south of Brazil</b>: <b>implantation of the descentralization and effectiveness of the actions</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900027&lng=en&nrm=iso&tlng=en Neste estudo, avaliou-se a efetividade das ações do departamento de vigilância sanitária de Canoas, Rio Grande do Sul, na implantação da gestão plena do sistema municipal, caracterizando-se o perfil desses agentes por delineamento transversal descritivo. Todos os fiscais (12) formaram a população-alvo. Os dados foram coletados por questionário auto-aplicável (Função Essencial de Saúde Pública nº 6) com classificação de performance de 0 a 1, entrevista com a direção do departamento e levantamento dos registros do serviço. Obtiveram-se como principais resultados, por estatística e interpretação, que o modelo de gestão do serviço, associado ao comprometimento técnico dos fiscais, proporcionou efetiva implantação da gestão plena; os fiscais apresentavam maioria feminina (66,7%), idade média de 46 anos (± 7,5) e 58,31% possuíam nível superior e renda maior que cinco salários mínimos; a Função Essencial de Saúde Pública nº 6 mediu 0,7 como média final. Conclui-se que o departamento apresentou efetividade nas ações de vigilância sanitária durante a descentralização, apresentando desempenho acima da média frente ao instrumento utilizado, além do serviço constar de estrutura e grupo de fiscais com perfil semelhante a outras equipes de vigilância sanitária.<hr/>This study evaluated the effectiveness of the health surveillance actions in Canoas/RS during the implantation of the local health management system and characterized the profile of the health agents by means of a cross-sectional descriptive study. The target population consisted of all the 12 health agents of the team. The data were collected using a self-applicable questionnaire (Essential Public Health Function nº6) with performance classifications ranging from 0 to 1; interview with the direction of the department; and survey of the service reports. The main results obtained through statistical analysis and interpretation showed that the management model together with the technical commitment of the health agents allowed for an effective implantation of the decentralized, local management; most agents were females; 66.7% had a mean age of 46 years (±7.5); and 58.31% of them had higher education and an income of more than five minimum wages; the Essential Public Health Function nº6 measured 0.7 as final average. It is concluded that the health surveillance actions during the decentralization process were effective, showing a performance above the average in relation to the used instrument. The structure of the service and the profile of the health agents are similar to those found in other health surveillance departments. <![CDATA[<b>Clinical bioethics</b>: <b>contributions to decision-making in neonatal intensive care units</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900028&lng=en&nrm=iso&tlng=en O artigo oferece uma reflexão sobre a tomada de decisão nas UTI neonatais levando-se em conta o princípio da justiça distributiva, tendo como referenciais teóricos complementares a bioética de proteção, elaborada por Schramm e Kottow, e a teoria das capacidades ("capability"), formulada por Nussbaum e Sen. Em um primeiro momento, apresenta-se a abordagem das capacidades e a bioética de proteção, caracterizando-se, dentro da concepção de justiça sanitária adotada neste trabalho, quais são as necessidades essenciais dos cidadãos que o Estado tem o dever de satisfazer para que haja justiça. Em seguida, discute-se a questão de quem deve ser beneficiado na UTI neonatal - e de que maneira - com os recursos públicos disponíveis, considerando-se três grupos de recém-nascidos que, de forma geral, compõem a demanda pelo atendimento nestes serviços. Conclui-se que a decisão ética será também mais qualificada quanto melhor for a informação clínica que estiver disponível, sendo necessário desenvolver mais estudos que amparem a construção de evidências razoáveis, inclusive relativas ao prognóstico, para que se possa esclarecer de forma ainda mais apropriada às famílias envolvidas. E, especialmente, a importância de envolver os pais da criança na tomada de decisões clínicas.<hr/>This article presents a reflection about decision-making in Neonatal Intensive Care Units based on the principle of distributive justice and considering the theoretical approaches of the Bioethics of Protection, formulated by Schramm and Kottow, and the Theory of Capabilities developed by Nussbaum and Sen. Within the concept of justice in the health area adopted in this study, we characterize the essential needs of the citizens that must be satisfied by the State. Then we discuss the question of who should be benefited in the neonatal intensive care units- and in which way - given the scarce public resources available, considering three groups of newborn that in general represent the demand for intensive care services in these units. We conclude that, the better the clinical information available, the more it is likely that a better and more qualified ethical choice can be taken. Further studies will be necessary for the construction of reasonable evidence, prognosis included, so that the involved families can be provided with even more adequate information and, most importantly, for allowing the parents of the child to take part in the clinical decisions. <![CDATA[<b>The onset of sexual activity in male adolescents</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900029&lng=en&nrm=iso&tlng=en Trata-se de pesquisa quantitativa que teve como objetivo investigar a iniciação sexual de adolescentes do sexo masculino em Concórdia, Santa Catarina. Participaram da mesma 340 adolescentes do sexo masculino, com idades entre 14 e 19 anos, que freqüentavam o ensino médio em seis instituições de ensino do município de Concórdia, que aceitaram participar e que trouxeram o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido assinado pelos pais ou responsáveis. Destes, 69,7% afirmaram ter relações sexuais, sendo que a média de idade da primeira relação foi de 14,4 anos, menor que a média nacional de 15 anos. A primeira relação sexual ocorreu com uma ficante para 45,1% e 64,2% afirmaram que o principal motivo para a mesma foi vontade/tesão. A maioria (74,2%) qualificou a experiência como boa ou muito boa. O uso da camisinha foi apontado como método utilizado na primeira relação sexual por 73,8% dos adolescentes e como método usado em todas as relações por 72,5%. Alguns adolescentes relataram não conversar sobre sexualidade, mas a maioria aponta os amigos como principal fonte de informações sobre sexo. Frente ao exposto, fica claro que apesar de terem sua primeira relação sexual cada vez mais precocemente, o diálogo sobre prevenção tem surtido efeito, o que é reforçado pelo uso expressivo do preservativo entre os adolescentes.<hr/>This quantitative study aimed to investigate the onset of sexual activity in male adolescents from Concordia, Santa Catarina, Brazil. The studied sample consisted of a total of 340 14-19-year-old male adolescents attending secondary school in six local educational institutions, who accepted to answer the questionnaire and whose parents signed the Free and Informed Consent. From these, 69,7% affirmed that they already had sexual relations; the mean age at the first relation was 14,4, lower than national average of 15 years. The first sexual relation occurred with a date in the case of 45,1% and 64,2% affirmed that the main reason was sexual desire/excitation. Most of adolescents (74,2%) qualified the experience as good or very good. The condom was used in the first sexual relation by 73,8% and in all relations by 72,5%. Some adolescents do not talk about sexuality, but most of them indicate friends as the main source of information about sex. These data show the effectiveness of the dialogue about STD/AIDS prevention and contraception developed over the last decades, expressed by the considerable condom use among the adolescents. <![CDATA[<b>Health beliefs for the control of arterial hypertension</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900030&lng=en&nrm=iso&tlng=en As crenças em saúde podem influenciar na adesão ao tratamento da hipertensão arterial. Estimar o percentual de crenças em saúde sobre barreiras e benefícios quanto às medidas de prevenção e controle da hipertensão arterial e conhecer os fatores sociodemográficos associados a essas crenças foi o objetivo deste estudo descritivo-exploratório, que adotou como referencial teórico o Modelo de Crenças em Saúde. Foi realizado em um centro de saúde em Salvador, com 106 adultos, autodeclarados negros e com diagnóstico médico de hipertensão arterial. Para a entrevista, utilizou-se uma Escala de Crenças em Saúde sobre treze comportamentos relacionados às medidas de prevenção e controle da doença. Para análise dos dados, utilizaram-se índices percentuais, freqüência de casos, escores e a razão de prevalência. Os testes estatísticos foram verificados no nível de 5% de significância. A análise global mostrou predomínio da categoria "crenças sobre benefícios" para doze comportamentos de saúde. Homens e mulheres perceberam diferentemente benefícios para esses comportamentos e constatou-se uma tendência à percepção de menos benefícios quanto às medidas de prevenção e controle da hipertensão arterial em estratos socioeconômicos menos favorecidos, adultos jovens e pessoas sem companheiro.<hr/>Health beliefs can interfere with the adherence to arterial hypertension therapy. The aim of this descriptive-exploratory study that adopted the Model of Health Beliefs as a theoretical reference was to estimate percentages of health beliefs about the benefits of prevention and control measures of arterial hypertension and to identify the social-demographic factors associated with these beliefs. The study was conducted in a Health Center in the city of Salvador, with 106 adults self- declared as black, and with a medical diagnosis of arterial hypertension. For the interviews we used a "Scale of Health Beliefs" about 13 behaviors related to disease prevention and control measures. The data analysis was based on percentage rates, frequency of cases and scores and the social-demographic factors associated to these beliefs were analyzed based on the prevalence rate. The global analysis showed predominance in the category "beliefs about benefits" for 12 behaviors. Men and women realized different benefits from these behaviors. The socio-economically less favored strata, young adults and individuals living without a partner tended to perceive less benefits from the prevention and control measures of arterial hypertension. <![CDATA[<b>Reflections about health and educational objects and physical environments</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900031&lng=en&nrm=iso&tlng=en O artigo traz um novo olhar sobre os objetos e ambientes físicos destinados às atividades de ensino e pesquisa em saúde. Aponta questões sobre a comunicação entre os designers e as pessoas que utilizam seus projetos. Pergunta sobre as formas de contribuição do designer para a transformação positiva do estado de espírito dos usuários de ambientes destinados ao ensino e à saúde, levando em conta as reações ou sentimentos das pessoas perante os produtos e os ambientes, em especial manifestações de alegria e bem-estar. E apresenta a edição piloto de um instrumento diferenciado de sensibilização e levantamento de dados, no formato de oficina de trabalho, denominada Espaço, Criação e Alegria.<hr/>This article looks to the objects and physical environments destined to teaching and research in health from a different perspective. It addresses the communication between the designers and the people that use their projects and investigates in which ways the designer can contribute to a positive transformation of the state of mind of the users of teaching and health environments, taking into account the reaction of people to the products and environments, especially manifestations of pleasure and well-being. The article presents a pilot edition of an instrument for sensitization and data collection in form of a workshop called "Environment, Creation and Pleasure". <![CDATA[<b>Harmonization and toxicological classification of pesticides in 1992 in Brazil and the need to foresee the impacts from the forthcoming introduction of GHS</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900032&lng=en&nrm=iso&tlng=en Em 1992, o Brasil modificou seus critérios de classificação toxicológica de agrotóxicos adequando-os à recomendação de classificação de periculosidade da Organização Mundial da Saúde (OMS). Em 2002, o Sistema Globalmente Harmonizado de Classificação e Rotulagem de Produtos Químicos (GHS) foi adotado pela Organização das Nações Unidas. Em decorrência, a OMS está adequando ao GHS sua recomendação de classificação de agrotóxicos, o que também deverá ser feito pelo Brasil. Considerou-se oportuno estimar o impacto da alteração de critérios, ocorrida em 1992, na reclassificação toxicológica dos produtos comerciais que se encontravam registrados na ocasião. Encontrou-se que 58,6% do total dos agrotóxicos então registrados (74,9% das formulações líquidas e 31,0% das sólidas) podem ter sofrido reclassificação para classes toxicológicas consideradas de me-nor periculosidade, sofrendo mudanças na comunicação de riscos expressa na rotulagem. Isto pode ter ocasionado conseqüências negativas devido a confusões de interpretação pelos agricultores. Nos países que já dispõem de sistemas de classificação de periculosidade de agrotóxicos, como o Brasil, recomenda-se estimar, antes da implantação, os impactos das mudanças que poderão decorrer da adoção do GHS.<hr/>In 1992, Brazil modified its toxicological classification criteria for pesticides. This modification aimed to follow the guidelines of the World Health Organization (WHO) hazard classification of pesticides. In 2002, the United Nations adopted the "Globally Harmonized System for the Classification and Labelling of Chemicals" (GHS). As a result, the WHO is reviewing its classification and Brazil will probably follow the example. Therefore it seems timely to estimate the impact of the changes in the criteria adopted in 1992 in the toxicological reclassification and labelling of the commercially available products registered at that time. It is estimated that 58.6% of the total of registered pesticides (74.9% liquid and 31.0% solid formulations) might have been reclassified to less hazardous classes. The hazard warnings on the labels may have caused negative consequences due to misinterpretations by farmers or rural workers. For countries already having a hazard classification system, it is therefore recommendable to estimate the possible impact of the changes before implanting the GHS. <![CDATA[<b>The human accidents and their implications for functional communication</b>: <b>opinions of teachers and students about higher education</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900033&lng=en&nrm=iso&tlng=en O objetivo desse estudo foi verificar as opiniões de docentes e discentes de cursos de graduação em Fonoaudiologia a respeito dos acidentes humanos e investigar se os mesmos buscam adquirir conhecimentos e competências nesta área do conhecimento. Participaram 52 professores e 95 estudantes de três faculdades públicas e três privadas do Estado de São Paulo. Os dados foram coletados com base em questionários auto-aplicados. Segundo os participantes, acidentes são eventos inesperados que trazem conseqüências físicas, funcionais, emocionais e sociais. A distração, a imprudência, o cansaço mental e físico contribuem para sua ocorrência. O fonoaudiólogo, o fisioterapeuta, o terapeuta ocupacional e o médico reabilitam as seqüelas causadas pelos agressores externos e foram os mais indicados para realização de ações educativas de prevenção de acidentes, por meio de orientações e palestras, junto à população das unidades educacionais e de saúde. Houve reconhecimento da importância da temática pelos docentes e discentes, sendo favorecedor para otimizar atividades de prevenção de acidentes, bem como introduzir novos projetos de atuação e investigação nas faculdades, o que pareceu importante para ampliar os conhecimentos e competências nesta área do conhecimento.<hr/>This study aimed to verify the opinion of speech-language pathology teachers and undergraduate students about human accidents and investigate if they are seeking for knowledge and competence in this area. Fifty-two teachers and 95 students from 3 public and 3 private universities in São Paulo took part in this study. Data were collected by means of a questionnaire. According to the participants, accidents are unexpected events that cause physical, functional, emotional and social consequences. Inattentiveness, incaution as well as mental and physical fatigue are factors that contribute to accidents. The speech-language therapist, the physical therapist, the occupational therapist and the physicians were considered the most indicated professionals for correcting the sequels caused by external aggressions. They were also considered the most indicated for carrying out educational actions for the prevention of accidents in form of orientation and lectures for the population of the educational and health units. Teachers and students recognize the importance of the subject, a fact that will help optimizing the educational actions toward accident prevention and introducing new actions and research projects in the universities for improving the competences in this field of knowledge. <![CDATA[<b>Bibliographic production about adherence/non-adherence to therapy</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900034&lng=en&nrm=iso&tlng=en Análise crítica da produção bibliográfica latino-americana dos últimos dez anos, acerca da adesão/não-adesão ao tratamento de pessoas portadoras de problemas crônicos de saúde: hanseníase, tuberculose, hipertensão, diabetes e aids. Foram analisados 36 artigos, identificando-se as variáveis: ano de publicação, área de publicação e tipo de estudo. A maior parte dos artigos (27) foi produzida por profissionais da área de Medicina em estudos epidemiológicos e da área de Enfermagem (7) em estudos qualitativos e quanti-qualitativos. A produção científica sobre o assunto cresceu até 2002, caindo a partir desse ano. Nas definições descritas pelos autores, a idéia recorrente foi a de que o papel do paciente é o de ser submisso às recomendações dos profissionais de saúde e que ele tem autonomia para seguir ou não o tratamento, mas o profissional exime-se da responsabilidade sobre as conseqüências dessa decisão. A maioria dos fatores apontados pelos autores como contribuintes para a não-adesão está relacionada ao paciente, mostrando que a maior carga de responsabilidade pela adesão/não-adesão é conferida a ele. As medidas assinaladas pelos autores para a resolução do problema permitem a identificação da responsabilidade dos profissionais, serviços de saúde, governos e instituições de ensino.<hr/>Critical analysis of the Latin American bibliographical production over the last 10 years regarding the adherence / non-adherence to treatment of people with chronic health problems: leprosy, tuberculosis, hypertension, diabetes and AIDS. Thirty six articles were analyzed identifying the variables: year of publication, publication area and kind of study. Most of the articles (27) were produced by professionals of the medical area, in epidemiological studies, and of the nursing area (7) in qualitative and quanti-qualitative studies. The scientific production on the subject increased until 2002, when it began to drop. The authors repeatedly defended the idea that the role of the patient is to follow the recommendations of the health professional and that the patient is free to follow or not the treatment, the professional however being exempt from the responsibility for the consequences of this decision. The greater part of factors pointed out by the authors as contributing to non-adherence relates to the patient, showing that the major responsibility for the adherence / non-adherence to treatment is conferred upon him. The measures the authors indicate for solving the problem point to responsibility of professionals, health services, governments and teaching institutions. <![CDATA[<b>Mercado de saúde, transição tecnológica e o papel regulatório do Estado</b>: <b>como lidar com as peças desse quebra-cabeça?</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900035&lng=en&nrm=iso&tlng=en Análise crítica da produção bibliográfica latino-americana dos últimos dez anos, acerca da adesão/não-adesão ao tratamento de pessoas portadoras de problemas crônicos de saúde: hanseníase, tuberculose, hipertensão, diabetes e aids. Foram analisados 36 artigos, identificando-se as variáveis: ano de publicação, área de publicação e tipo de estudo. A maior parte dos artigos (27) foi produzida por profissionais da área de Medicina em estudos epidemiológicos e da área de Enfermagem (7) em estudos qualitativos e quanti-qualitativos. A produção científica sobre o assunto cresceu até 2002, caindo a partir desse ano. Nas definições descritas pelos autores, a idéia recorrente foi a de que o papel do paciente é o de ser submisso às recomendações dos profissionais de saúde e que ele tem autonomia para seguir ou não o tratamento, mas o profissional exime-se da responsabilidade sobre as conseqüências dessa decisão. A maioria dos fatores apontados pelos autores como contribuintes para a não-adesão está relacionada ao paciente, mostrando que a maior carga de responsabilidade pela adesão/não-adesão é conferida a ele. As medidas assinaladas pelos autores para a resolução do problema permitem a identificação da responsabilidade dos profissionais, serviços de saúde, governos e instituições de ensino.<hr/>Critical analysis of the Latin American bibliographical production over the last 10 years regarding the adherence / non-adherence to treatment of people with chronic health problems: leprosy, tuberculosis, hypertension, diabetes and AIDS. Thirty six articles were analyzed identifying the variables: year of publication, publication area and kind of study. Most of the articles (27) were produced by professionals of the medical area, in epidemiological studies, and of the nursing area (7) in qualitative and quanti-qualitative studies. The scientific production on the subject increased until 2002, when it began to drop. The authors repeatedly defended the idea that the role of the patient is to follow the recommendations of the health professional and that the patient is free to follow or not the treatment, the professional however being exempt from the responsibility for the consequences of this decision. The greater part of factors pointed out by the authors as contributing to non-adherence relates to the patient, showing that the major responsibility for the adherence / non-adherence to treatment is conferred upon him. The measures the authors indicate for solving the problem point to responsibility of professionals, health services, governments and teaching institutions. <![CDATA[Olhares socioantropológicos sobre os adoecidos crônicos]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900036&lng=en&nrm=iso&tlng=en Análise crítica da produção bibliográfica latino-americana dos últimos dez anos, acerca da adesão/não-adesão ao tratamento de pessoas portadoras de problemas crônicos de saúde: hanseníase, tuberculose, hipertensão, diabetes e aids. Foram analisados 36 artigos, identificando-se as variáveis: ano de publicação, área de publicação e tipo de estudo. A maior parte dos artigos (27) foi produzida por profissionais da área de Medicina em estudos epidemiológicos e da área de Enfermagem (7) em estudos qualitativos e quanti-qualitativos. A produção científica sobre o assunto cresceu até 2002, caindo a partir desse ano. Nas definições descritas pelos autores, a idéia recorrente foi a de que o papel do paciente é o de ser submisso às recomendações dos profissionais de saúde e que ele tem autonomia para seguir ou não o tratamento, mas o profissional exime-se da responsabilidade sobre as conseqüências dessa decisão. A maioria dos fatores apontados pelos autores como contribuintes para a não-adesão está relacionada ao paciente, mostrando que a maior carga de responsabilidade pela adesão/não-adesão é conferida a ele. As medidas assinaladas pelos autores para a resolução do problema permitem a identificação da responsabilidade dos profissionais, serviços de saúde, governos e instituições de ensino.<hr/>Critical analysis of the Latin American bibliographical production over the last 10 years regarding the adherence / non-adherence to treatment of people with chronic health problems: leprosy, tuberculosis, hypertension, diabetes and AIDS. Thirty six articles were analyzed identifying the variables: year of publication, publication area and kind of study. Most of the articles (27) were produced by professionals of the medical area, in epidemiological studies, and of the nursing area (7) in qualitative and quanti-qualitative studies. The scientific production on the subject increased until 2002, when it began to drop. The authors repeatedly defended the idea that the role of the patient is to follow the recommendations of the health professional and that the patient is free to follow or not the treatment, the professional however being exempt from the responsibility for the consequences of this decision. The greater part of factors pointed out by the authors as contributing to non-adherence relates to the patient, showing that the major responsibility for the adherence / non-adherence to treatment is conferred upon him. The measures the authors indicate for solving the problem point to responsibility of professionals, health services, governments and teaching institutions. <![CDATA[<b>Key Concepts in Medical Sociology</b>: <b>um livro para estar sempre à mão</b>]]> http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232008000900037&lng=en&nrm=iso&tlng=en Análise crítica da produção bibliográfica latino-americana dos últimos dez anos, acerca da adesão/não-adesão ao tratamento de pessoas portadoras de problemas crônicos de saúde: hanseníase, tuberculose, hipertensão, diabetes e aids. Foram analisados 36 artigos, identificando-se as variáveis: ano de publicação, área de publicação e tipo de estudo. A maior parte dos artigos (27) foi produzida por profissionais da área de Medicina em estudos epidemiológicos e da área de Enfermagem (7) em estudos qualitativos e quanti-qualitativos. A produção científica sobre o assunto cresceu até 2002, caindo a partir desse ano. Nas definições descritas pelos autores, a idéia recorrente foi a de que o papel do paciente é o de ser submisso às recomendações dos profissionais de saúde e que ele tem autonomia para seguir ou não o tratamento, mas o profissional exime-se da responsabilidade sobre as conseqüências dessa decisão. A maioria dos fatores apontados pelos autores como contribuintes para a não-adesão está relacionada ao paciente, mostrando que a maior carga de responsabilidade pela adesão/não-adesão é conferida a ele. As medidas assinaladas pelos autores para a resolução do problema permitem a identificação da responsabilidade dos profissionais, serviços de saúde, governos e instituições de ensino.<hr/>Critical analysis of the Latin American bibliographical production over the last 10 years regarding the adherence / non-adherence to treatment of people with chronic health problems: leprosy, tuberculosis, hypertension, diabetes and AIDS. Thirty six articles were analyzed identifying the variables: year of publication, publication area and kind of study. Most of the articles (27) were produced by professionals of the medical area, in epidemiological studies, and of the nursing area (7) in qualitative and quanti-qualitative studies. The scientific production on the subject increased until 2002, when it began to drop. The authors repeatedly defended the idea that the role of the patient is to follow the recommendations of the health professional and that the patient is free to follow or not the treatment, the professional however being exempt from the responsibility for the consequences of this decision. The greater part of factors pointed out by the authors as contributing to non-adherence relates to the patient, showing that the major responsibility for the adherence / non-adherence to treatment is conferred upon him. The measures the authors indicate for solving the problem point to responsibility of professionals, health services, governments and teaching institutions.