SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.9 issue2Increase of discriminatory ability of health indicators (general mortality rate ana infantile mortality rate)Data analysis of the tuberculous infection investigation and of the first programme of vaccination with intradermic BCG- among schoolchildren in S. Paulo, Brazil: 1971 to 1974 author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista de Saúde Pública

Print version ISSN 0034-8910

Abstract

LAURENTI, Ruy; SILVEIRA, Maria Helena  and  SIQUEIRA, Arnaldo A. F.. Mortalidade perinatal em São Paulo, Brasil. Rev. Saúde Pública [online]. 1975, vol.9, n.2, pp. 115-124. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89101975000200004.

Foi analisada a mortalidade perinatal em São Paulo num período de dois anos. Partiu o estudo da totalidade dos atestados de nascidos mortos e de uma amostra de óbitos de menores de sete dias, para a qual a metodologia foi a de entrevistas domiciliares e junto aos médicos e hospitais que tenham prestado assistência às crianças falecidas. O coeficiente de mortalidade perinatal encontrado foi igual a 42,04 por mil nascidos vivos. Esse valor apresenta-se bastante elevado quando comparado ao de áreas desenvolvidas. Foi verificado que ele poderia ser diminuído com a simples redução dos coeficientes específicos por algumas causas evitáveis a nível de pré-natal (sífilis congênita, doenças próprias ou associadas à gravidez), do parto (distócias, traumatismos obstétricos e anóxia), ou da atenção ao recém-nascido (causas infecciosas, do aparelho respiratório, hemorragias e certas anóxias). O coeficiente de mortalidade perinatal segundo a idade da mãe mostrou que o risco varia com a idade, apresentando-se maior nas mulheres de 40 a 49 anos.

Keywords : Mortalidade perinatal [São Paulo, Brasil]; Estatística vital; Mortalidade neonatal; Natimortalidade.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese