SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.14 issue3Research on agglutinins for Brucella canis in human sera in the city of S. Paulo, BrazilThe complement fixation test in the identification of human rotavirus author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista de Saúde Pública

Print version ISSN 0034-8910

Abstract

CARVALHO, João Pessoa de Paula; NISHIKAWA, Amélia Mitico  and  FAY, Elisabeth Francisconi. Níveis de resíduos de praguicidas organoclorados em produtos cárneos sob inspeção federal. Rev. Saúde Pública [online]. 1980, vol.14, n.3, pp. 408-419. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89101980000300012.

Com objetivo de evidenciar a freqüência e os níveis de resíduos de praguiddas organoclorados, foram analisadas 445 unidades amostrais de matéria prima (gordura bovina) provenientes de carcaças de bovinos de frigoríficos e 132 unidades amostrais de carne bovina já processada (enlatados, tais como "corned beef" e "roast beef"). Apresentaram-se com resíduos de praguicidas acima dos limites de tolerância estipulados, 77 unidades amostrais de gordura bovina e 5 de produto processado. Resíduos de praguiddas, sem contudo ultrapassar os limites de tolerância, foram identificados em, praticamente, todas as amostras, sendo que 27% das unidades amostrais de gordura bovina e 10,6% de produto processado apresentaram resíduos de praguicidas em violação aos limites estabelecidos na legislação. Heptacloro, BHC e Dieldrin foram os praguiddas mais freqüentes e Lindane e DDT os menos evidenciados.

Keywords : Alimentos [contaminação]; Pesticidas; Inseticidas organoclorados.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese