SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 issue3Developing domiciliarity of Ribeira Valley mosquitoes, S. Paulo, BrazilThe ageing of the world's population: a new challenge author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista de Saúde Pública

Print version ISSN 0034-8910

Abstract

COIMBRA, Teresinha Lisieux M. et al. Investigação epidemiológica de casos de febre amarela na região noroeste do Estado de São Paulo, Brasil. Rev. Saúde Pública [online]. 1987, vol.21, n.3, pp. 193-199. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89101987000300004.

Descreve-se investigação epidemiológica conduzida a partir da notificação de três casos suspeitos de febre amarela em moradores da região noroeste do Estado de São Paulo, Brasil, onde se identificou a presença de Aedes aegypti. Concluiu-se que se tratavam de casos de febre amarela silvestre adquirida em área endêmica do Estado vizinho de Mato Grosso. Apesar da presença de focos de Aedes aegypti nos locais de residência dos doentes, não foram encontradas evidências de transmissão do vírus amarílico nesses locais. O teste MAC ELISA mostrou-se de grande utilidade no rápido esclarecimento diagnóstico dos casos suspeitos da moléstia, ao lado das técnicas tradicionais, e no inquérito sorológico conduzido entre familiares, vizinhos e colegas de trabalho dos doentes.

Keywords : Febre amarela [incidência]; Aedes aegypti; Vigilância epidemiológica.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese