SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 issue3Social development and infant mortality, 1977-1986, Cuba: a regional analysisSome considerations on growth and development in the practice of health services author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista de Saúde Pública

Print version ISSN 0034-8910

Abstract

LEAL, Maria do Carmo; SILVA, Rosana Iozzi da  and  GAMA, Silvana Granado Nogueira da. Percepção materna da desidratação em crianças com diarréia: estudo de concordância com diagnóstico médico. Rev. Saúde Pública [online]. 1990, vol.24, n.3, pp. 196-203. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89101990000300005.

Realizou-se estudo em um hospital infantil do Rio de Janeiro, em crianças hospitalizadas por diarréia, no período de janeiro/87 a fevereiro/88, com o objetivo de destacar a percepção materna dos sinais e sintomas da desidratação em crianças menores de três anos de idade, confrontando-a com o diagnóstico médico. Os sinais e sintomas mais identificados pelas mães foram o número de evacuações, número de vômitos, estado da sede e dos olhos. As mães tiveram dificuldade em perceber a quantidade de urina, o estado de umidade da boca e língua e turgor da pele. Identificaram estes sinais quase sempre como normais ou no máximo, moderadamente alterados. As mães que tenderam a subestimar a gravidade da desidratação apontada pelo médico tem nível de escolaridade baixo, filhos desnutridos e maior dificuldade de acesso ao hospital. Já as que tenderam a superestimar a gravidade, têm melhor nível de instrução, filhos melhor nutridos, maior facilidade de acesso ao hospital, bem como passaram por um menor número de serviços de saúde antes de chegar ao hospital estudado. As mães que concordaram com o diagnóstico médico classificaram-se em uma situação intermediária, embora se aproximando mais das que subestimaram a gravidade. Aquelas mães que já haviam vivenciado um episódio de desidratação anterior no seu filho não apresentaram maior concordância com o diagnóstico do médico, mostrando que o repasse de informação no serviço de saúde foi nulo ou inadequado.

Keywords : Mães; Percepção; Desidratação [epidemiologia].

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese