SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 issue6Cancer mortality among electricity utility workers in a Southeastern region BrazilAdolescent mortality in an urban area of Southeastern Brazil, 1984-1993 author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista de Saúde Pública

Print version ISSN 0034-8910

Abstract

GIROTTO, Carlos A.; VACCHINO, Marta N.; SPILLMANN, Cynthia A.  and  SORIA, Jorge A.. Prevalencia de factores de riesgo cardiovascular en ingresantes universitarios. Rev. Saúde Pública [online]. 1996, vol.30, n.6, pp. 576-586. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89101996000600012.

Com o objetivo de conhecer a prevalência de fatores de risco para doenças cárdio-vaculares (ECV) e sua relação com antecedentes familiares de doença, estudaram-se 3.357 ingressantes ao primeiro ano da Universidade de Mar del Plata, no ano de 1991, que completaram seu exame médico obrigatório. A prevalência de antecedentes familiares de hipercolesterolemia, hipertensão, diabetes mellitus, obesidade, doenças cárdio-vasculares foi de 27,5%, 42,1%, 26,9%, 27,2% e 42,1%, respectivamente. Oitenta por cento dos alunos reportaram, ao menos, um dos antecedentes familiares estudados. A prevalência de hipertensão (pressão arterial sistólica > 140 mmhg e/ou pressão arterial diastólica 90 mmhg) e de hipercolesterolemia ( 210 mg/dl), nos participantes, foi de 7,0% e 14,4%. Observaram-se associações de hipertenasão com índice de massa corporal (IMC), sexo masculino e idade. A prevalência do hábito de fumar foi de 27,1%, não apresentando diferenças entre sexos. O hábito correlacionou-se positivamente com idade e observaram-se diferentes prevalências segundo a carreira escohida. A presença de colesterolemia aumentada correlacionou-se com a idade. O IMC e os antecedentes familiares de obesidade (OR=1,32 IC95%= 1,06 a 1,64) e hipercolesterolemia (OR= 1,38 IC95%= 1,10-1,69). Detectaram-se 3,7% anormalidades no aparelho cardiovascular. Observou-se associação com antecedentes de doença cardíaca familiar. A prevalência de fatores de risco-vasculares representa uma advertência, dada a juventude da população considerada, e mostra a necessidade de insistir em medidas educativas e de promoção de condutas preventivas.

Keywords : Doenças cardiovasculares [epidemiologia]; Fatores de risco; Estudantes.

        · abstract in English | Spanish     · text in Spanish     · pdf in Spanish