SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.32 issue6Culicidae mosquitoes as emerging vectors of diseasesEpidemiological aspects of centipede (Scolopendromorphae: Chilopoda) bites registered in Greater S. Paulo, SP, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista de Saúde Pública

Print version ISSN 0034-8910

Abstract

VENTURA-FILIPE, Elvira M.  and  NEWMAN, Stan P.. Influência do teste HIV positivo no comportamento sexual em homens. Rev. Saúde Pública [online]. 1998, vol.32, n.6, pp. 503-513. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89101998000600002.

OBJETIVO: Comparar homens HIV soronegativos (HIV-) e HIV soropositivos (HIV+) em termos de comportamento sexual com parceiras e parceiros regulares e casuais. MÉTODO: Estudo transversal. De agosto de 1994 a fevereiro de 1995, uma amostra de 236 participantes (150 HIV- e 86 HIV+) foi recrutada de serviços públicos do Estado de São Paulo, Brasil, para atendimento e testagem de HIV/AIDS. Foi aplicado aos participantes questionário contendo questões sobre aspectos demográficos, conhecimento sobre HIV e AIDS, orientação sexual, uso de álcool e outras drogas, percepção de risco para HIV e comportamento sexual com parceiros e parceiras regulares e casuais (investigado nos últimos três meses). RESULTADOS: A comparação entre os indivíduos HIV+ e HIV indicou que uma menor percentagem de HIV+ teve contato sexual com parceiras regulares (p < .01), praticou sexo vaginal com este tipo de parceira (p < .01) e praticou todo tipo de atividade sexual (p < .001). Os indivíduos HIV+ relataram uma freqüência menor de práticas sexuais penetrativas (p < .05). Identificou-se um nível elevado de uso de preservativo com parceiras e parceiros sexuais e não foi observada diferença significativa entre os dois grupos neste aspecto. Identificou-se algum comportamento de risco, especialmente com parceiros/parceiras regulares. CONCLUSÕES: O nível elevado de uso de preservativo sugere que têm sido adotadas recomendações em relação a sexo seguro. O uso de preservativo não foi universal sugerindo que alguns homens continuam a praticar sexo desprotegido. A efetiva prevenção da transmissão do vírus ocorrerá com programas de prevenção que estimulem práticas de sexo seguro entre indivíduos HIV- e HIV+.

Keywords : Sorodiagnóstico da AIDS; Comportamento sexual; Correr o risco.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English