SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.37 issue6Hypertension and salt intake in an urban populationThe potential of central obesity antropometric indicators as diagnostic tools author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista de Saúde Pública

Print version ISSN 0034-8910

Abstract

FERREIRA FILHO, Olavo Franco; TURCHI, Marilia Dalva; LARANJEIRA, Ronaldo  and  CASTELO, Adauto. Perfil sociodemográfico e de padrões de uso entre dependentes de cocaína hospitalizados. Rev. Saúde Pública [online]. 2003, vol.37, n.6, pp. 751-759. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89102003000600010.

OBJETIVO: Avaliar o perfil sociodemográfico e o padrão de uso da cocaína entre usuários de drogas hospitalizados. MÉTODOS: Estudo transversal com dependentes químicos maiores de 18 anos, internados em alguns hospitais psiquiátricos da região metropolitana da Grande São Paulo, Brasil, com condições clínicas de responder a questionário padronizado e que concordaram em participar do estudo. Foram selecionados seis hospitais psiquiátricos que recebiam, por procura espontânea, pacientes da rede pública e privada de toda a região da Grande São Paulo. A coleta de informações foi feita por meio de entrevistas estruturadas, aplicada individualmente por psicóloga treinada. Para análise estatística utilizou-se do teste t de Sudent e Qui-quadrado, e o nível de significância foi fixado em 5%. RESULTADOS: Encontrou-se maior taxa (38,4%) de usuários de crack e pequena prevalência (1,6%) de usuários de drogas injetáveis. Os dependentes de cocaína fumada apresentavam baixa escolaridade, encontravam-se mais freqüentemente desempregados, haviam morado nas ruas, usavam maiores quantidades de droga e tinham sido presos em maior número de vezes do que aqueles que usavam outras vias de administração da droga. CONCLUSÕES: Os resultados sugerem que o uso de drogas é um grave problema de saúde pública na Grande São Paulo, mostrado pelo número de internações hospitalares por dependência. Os usuários de crack apresentam pior condição socioeconômica e maior envolvimento com a violência e a criminalidade.

Keywords : Transtornos relacionados ao uso de cocaína [epidemiologia]; Pacientes internados; Hospitais psiquiátricos; Fatores socioeconômicos; Cocaína crack; Abuso de substâncias por via endovenosa.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese