SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.38 issue3Distribution of acute respiratory diseases in Brazil from 1996 to 2001, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista de Saúde Pública

On-line version ISSN 1518-8787

Abstract

CALDEIRA, Zelina M R; SANT'ANNA, Clemax C  and  AIDE, Miguel Abdom. Controle de crianças e adolescentes comunicantes de tuberculosos, Rio de Janeiro, RJ. Rev. Saúde Pública [online]. 2004, vol.38, n.3, pp. 339-345. ISSN 1518-8787.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89102004000300001.

OBJETIVO: Detectar doença ou infecção tuberculosa em comunicantes de pacientes com tuberculose pulmonar. MÉTODOS: Estudo descritivo, transversal, realizado em centro municipal de saúde da cidade do Rio de Janeiro, RJ, com 184 crianças e adolescentes, de 0 a 15 anos de idade, comunicantes de tuberculosos, no período de março de 1995 a março de 1997. Os comunicantes foram submetidos à avaliação clínico-radiológica, teste tuberculínico e baciloscopia de escarro, quando possível. Os doentes foram submetidos à quimioterapia anti-tuberculose e os infectados à quimioprofilaxia. Foi pesquisada a viragem tuberculínica nos comunicantes não reatores ao teste tuberculínico por meio de um segundo teste realizado após oito semanas e, quando presente, a quimioprofilaxia era instituída. RESULTADOS: A casuística foi composta por 98 meninos e 86 meninas, com idades variando entre 0 e 15 anos. Segundo o critério de Gomez, 26,9% das crianças eram desnutridas. Em relação à fonte de infecção, 170 (92,4%) foram intradomiciliares, das quais 66,5% eram os pais. A vacinação BCG foi constatada em 98,4% crianças e 14,7% haviam sido revacinadas. O teste tuberculínico foi reator forte em 110/181 crianças. Consideraram-se infectadas pelo M. tuberculosis 76 (41,3%) crianças e detectaram-se 25 (13,6%) casos de tuberculose pulmonar, dos quais sete (28%) estavam assintomáticos. Houve maior adoecimento quando o comunicante convivia com mais de uma fonte de infecção (p=0,02). CONCLUSÕES: A detecção de doença e de infecção tuberculosa foi elevada na população estudada. O controle de comunicantes deve ser enfatizado, pois permite o diagnóstico de tuberculose em crianças ainda assintomáticas e identifica infectados, os quais podem se beneficiar da quimioprofilaxia.

Keywords : Tuberculose pulmonar [diagnóstico]; Tuberculose pulmonar [prevenção e controle]; Busca de comunicante; Teste tuberculínico; Vacina BCG; Mycobacterium tuberculosis; Estudos transversais.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )