SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.39 issue3Spatial analysis of dengue transmission in a medium-sized city in BrazilOccupational noise as a risk factor for work-related injuries author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista de Saúde Pública

Print version ISSN 0034-8910

Abstract

GEORG, Alvaro E  and  GRUPO DE TRABALHO DE AVALIACAO DA CAMPANHA NACIONAL DE DETECCAO DE DIABETES MELLITUS et al. Análise econômica de programa para rastreamento do diabetes mellitus no Brasil. Rev. Saúde Pública [online]. 2005, vol.39, n.3, pp. 452-460. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89102005000300017.

OBJETIVO: Diabetes mellitus é um problema de saúde pública com elevado ônus social e econômico, cujo diagnóstico é desconhecido em metade dos indivíduos portadores. Em 2001, o Ministério da Saúde realizou a Campanha Nacional para a Detecção do Diabetes Mellitus. Assim, o objetivo do estudo foi estimar o impacto econômico e o rendimento desse rastreamento populacional. MÉTODOS: Baseado no número de rastreados com resultados positivos (glicemia capilar em jejum >100 mg/dl ou fora do jejum >140 mg/dl), foram estimados os prováveis casos novos de diabetes mellitus e construído modelo de decisão analítico. Dados primários e secundários foram utilizados para estimar os custos (em Reais) e o rendimento (casos novos de diabetes mellitus detectados) do rastreamento com o pressuposto de pagador único. Análises de sensibilidade foram conduzidas para avaliar o efeito de alguns parâmetros nessas estimativas. RESULTADOS: Considerando-se a prevalência de diabetes mellitus não diagnosticado na população-alvo de 4,8%, o número provável de novos casos de diabetes mellitus diagnosticados foi de 518.579. Isso, pressupondo que um terço dos participantes com teste positivo procurou a confirmação (23 casos por 1.000 rastreados). O custo por novo caso de diabetes mellitus diagnosticado a partir desses pressupostos seria de R$89. Em análises de sensibilidade, os resultados foram sensíveis ao percentual dos testes confirmatórios. CONCLUSÕES: Apesar dos expressivos custos com a campanha de rastreamento no Brasil, o rendimento foi comparável a outras ações preventivas e, em termos absolutos, o custo por novo caso de diabetes mellitus detectado foi inferior ao relatado por outros países.

Keywords : Diabetes mellitus [economia]; Análise custo-benefício; Promoção da saúde; Diabetes mellitus [diagnóstico]; Diabetes mellitus [prevenção e controle].

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese