SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.39 issue3Occupational noise as a risk factor for work-related injuriesBioethics, critical solidarity and organic volunteering author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista de Saúde Pública

Print version ISSN 0034-8910

Abstract

PAZ, Elaine Carvalho da; FERREIRA, Andressa Maria Coelho  and  ZANNIN, Paulo Henrique Trombetta. Estudo comparativo da percepção do ruído urbano. Rev. Saúde Pública [online]. 2005, vol.39, n.3, pp. 467-472. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89102005000300019.

OBJETIVO: Analisar comparativamente a percepção ao ruído urbano no cotidiano dos habitantes de uma zona controlada acusticamente e outra não controlada. MÉTODOS: Duas zonas de uma cidade foram selecionadas por meio de avaliações objetivas dos níveis sonoros equivalente como zona controlada e zona não controlada acusticamente. Uma amostra aleatória de cada zona foi selecionada e submetida a questionário. Foram gerados indicadores estatísticos da percepção ao ruído urbano por meio da análise multivariada fatorial. RESULTADOS: O valor médio para o nível sonoro (Leq) encontrado no centro (zona não controlada acusticamente) foi de 72,9 dB(A), e na zona controlada acusticamente foi de 53,3 dB(A). A análise multivariada fatorial gerou três indicadores estatísticos: percepção temporal, percepção de ruídos atípicos e fontes e distúrbios. CONCLUSÕES: A população da zona controlada indicou aumento no nível de ruído percebido. O nível sonoro no centro da cidade tem se mantido praticamente constante e muito acima do especificado pela Lei Municipal. Os indicadores gerados podem servir como parâmetros para caracterizar a percepção à exposição contínua ao ruído pela população.

Keywords : Ruído; Efeitos do ruído; Medição de ruído; Zonas urbanas; Poluição sonora.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese