SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.40 issue5Dietary patterns of adult women living in an urban area of Southern BrazilExternal control over the fluoridation of the public water supply in Bauru, SP, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista de Saúde Pública

Print version ISSN 0034-8910

Abstract

OLIVEIRA, Valterlinda Alves de; ASSIS, Ana Marlúcia Oliveira; PINHEIRO, Sandra Maria Conceição  and  BARRETO, Mauricio Lima. Determinantes dos déficits ponderal e de crescimento linear de crianças menores de dois anos. Rev. Saúde Pública [online]. 2006, vol.40, n.5, pp. 874-882.  Epub Sep 01, 2006. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89102006005000003.

OBJETIVO: Identificar os determinantes da desnutrição energético-protéica que ocasionam déficits ponderal e de crescimento linear em crianças. MÉTODOS: Estudo transversal envolvendo 1.041 crianças (menores de dois anos de idade) de 10 municípios do Estado da Bahia, de 1999 a 2000. Utilizou-se a técnica de regressão logística e estratégia da abordagem hierárquica para identificar os fatores associados ao estado antropométrico. RESULTADOS: O modelo final para déficit no crescimento linear revelou como determinante básico: a posse de dois ou menos equipamentos domésticos (OR=2,9; IC 95%: 1,74-4,90) e no nível subjacente, a ausência de consulta pré-natal (OR=2,7; IC 95%: 1,47-4,97); entre os determinantes imediatos o baixo peso ao nascer (<2.500 g) (OR=3,6; IC 95%: 1,72-7,70) e relato de hospitalização nos 12 meses anteriores à entrevista (OR=2,4; IC 95%: 1,42-4,10). Fatores determinantes no déficit ponderal nos níveis básico, subjacente e imediato foram, respectivamente: a renda mensal per capita inferior a ¼ do salário-mínimo (OR=3,4; IC 95%: 1,41-8,16), a ausência de pré-natal (OR=2,1; IC 95%: 1,03-4,35), e o baixo peso ao nascer (OR=4,8; IC 95%: 2,00-11,48). CONCLUSÕES: Os déficits ponderal e linear das crianças foram explicados pela intermediação entre as precárias condições materiais de vida e o restrito acesso ao cuidado com a saúde e a carga de morbidade. Intervenções que melhorem as condições de vida e ampliem o acesso às ações do serviço de saúde são estratégias que caminham na busca da eqüidade em saúde e nutrição na infância.

Keywords : Desnutrição protéico-energética; Lactente; Pesos e medidas corporais; Fatores de risco; Condições de vida; Estudos transversais.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese