SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.46 issue3Payment for performance in the Family Health Programme: lessons from the UK Quality and Outcomes Framework author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Revista de Saúde Pública

Print version ISSN 0034-8910

Abstract

SORTE JUNIOR, Waldemiro Francisco. Uso do conhecimento tradicional para promover a inclusão socioeconômica de comunidades locais. Rev. Saúde Pública [online]. 2012, vol.46, n.3, pp. 583-586.  Epub Apr 17, 2012. ISSN 0034-8910.  http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89102012005000030.

O artigo mostra o papel desempenhado por institutos públicos de pesquisa no Brasil na promoção da inclusão socioeconômica de comunidades locais por meio do uso do conhecimento tradicional e da medicina popular. Organizações não-governamentais e cooperativas são importantes para angariar recursos, defender os interesses das comunidades locais e influenciar mudanças no ordenamento jurídico. Entretanto, exigências de cunho legal relacionadas às Boas Práticas de Fabricação e à necessidade de comprovação da eficácia de medicamentos, impostas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária, tendem a demandar a intervenção de um instituto público de pesquisa capaz de auxiliar tais comunidades na aprovação e comercialização de medicamentos produzidos a partir de plantas medicinais. Assim, institutos públicos de pesquisa são essenciais para realizar estudos científicos que comprovem a eficácia das plantas medicinais e para auxiliar as comunidades locais a criarem a infraestrutura necessária para atender às exigências da Agência quanto a Boas Práticas de Fabricação.

Keywords : Plantas Medicinais; Medicina Tradicional; Etnofarmacologia; Academias e Institutos.

        · abstract in English | Spanish     · text in English     · pdf in English