SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.9 issue4Risk assessment for chemical substances: the link between toxicology and public healthBancroftian filariasis in Belém, Pará State: possibilities for eradication by introducing modern methods of control for Culex quinquefasciatus author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Cadernos de Saúde Pública

On-line version ISSN 1678-4464Print version ISSN 0102-311X

Abstract

FEARNSIDE, Philip M.. Migração, colonização e meio ambiente: o potencial dos ecossistemas amazônicos. Cad. Saúde Pública [online]. 1993, vol.9, n.4, pp.448-457. ISSN 1678-4464.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X1993000400005.

Os ecossistemas amazônicos têm a capacidade de sustentar uma população humana esparsa e suprir serviços ambientais insubstituíveis. Contudo, a sua capacidade de gerar lucros financeiros através da venda de mercadorias é limitada. Os sistemas atualmente utilizados para o aproveitamento dos ecossistemas são insustentáveis e não atendem às necessidades básicas da população da região, geralmente oferecendo poucos empregos e retorno financeiro escasso. Os pressupostos fundamentais dos programas de fomento ao manejo florestal e outros sistemas são falhos, necessitando de mudanças básicas para que possam produzir de forma sustentável em escala comercial. A Amazônia tem um papel chave no suprimento de serviços ambientais, tanto no Brasil como no mundo. São necessários mecanismos institucionais para se avaliar estes serviços e traduzir este valor em um meio de sustento para aqueles que mantêm a floresta.

Keywords : Capacidade de Suporte Humano; Desmatamento; Colonização Agrícola; Manejo Florestal; Mudanças Climáticas; Amazônia.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )