SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.14 issue1Sociodemographic and behavioral factors related to schistosomiasis in a rural village of the sugar cane belt in Pernambuco State, BrazilSchistosomiasis epidemiological patterns in a community of small farmers in Pernambuco State, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

VENTURA, Renato Nabas; NASPITZ, Charles; PUCCINI, Rosana Fiorini  and  SILVA, Edina Mariko Koga da. Avaliação do programa de atenção a crianças asmáticas acompanhadas nas unidades de saúde do Município do Embu, São Paulo, no período de 1988 a 1993. Cad. Saúde Pública [online]. 1998, vol.14, n.1, pp. 117-128. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X1998000100019.

Com o objetivo de avaliar o desempenho do Programa de Atenção a Crianças Portadoras de "Chiado no Peito", no Município de Embu, São Paulo, foram estudadas 434 crianças e adolescentes de zero a 14 anos, admitidas no programa de maio/88 a julho/93. Mais de 90% desses pacientes nunca haviam sido acompanhados por esse motivo em serviço médico. Apenas 6,2% foram encaminhados a outros serviços de referência durante o acompanhamento no programa. Segundo critérios clínicos, os pacientes foram classificados em: bebê chiador (21,8%), asmáticos leves (41,7%), asmáticos moderados (28,3%), asmáticos graves (7,6%) e outros (0,4%). Ao se analisar o comportamento dos asmáticos moderados e graves acompanhados por mais de um ano, observou-se melhora clínica nesses dois grupos, e o que influenciou positivamente esse fato foi a maior aderência ao uso da medicação. O número de exacerbações decresceu entre os asmáticos graves, após um ano de acompanhamento regular, embora durante os 12 meses analisados tenha havido um consumo praticamente constante de medicação broncodilatadora. O abandono ocorreu em 53,2% das crianças matriculadas, principalmente nos primeiros seis meses de acompanhamento, sendo significantemente mais freqüente entre os asmáticos moderados. Concluímos que as crianças com maior aderência ao programa se beneficiaram do mesmo, apesar das dificuldades e da falta de alguns recursos medicamentosos atualmente existentes.

Keywords : Asma; Avaliação de Ações de Saúde Pública; Saúde Infantil; Serviços de Saúde.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese