SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 issue4Pharmaceutical procurement by the public sector: the quality/cost relationshipEvaluation of outpatient care for people with HIV/AIDS in Rio de Janeiro, from the user's perspective author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

GONCALVES, Helen et al. Adesão à terapêutica da tuberculose em Pelotas, Rio Grande do Sul: na perspectiva do paciente. Cad. Saúde Pública [online]. 1999, vol.15, n.4, pp. 777-787. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X1999000400012.

O trabalho aborda a adesão ao tratamento da tuberculose dentro do universo composto por homens e mulheres doentes e as conexões e conseqüências da doença na seu modo/fase de vida e no resultado final do tratamento. O estudo etnográfico, como um sub-estudo do Projeto Controle Epidemiológico da Tuberculose na Cidade de Pelotas, Rio Grande do Sul, propunha-se, inicialmente, verificar as razões existentes para que os pacientes não completassem o tratamento. Utilizou-se o método etnográfico de observação direta, conjugado com as entrevistas semi-estruturadas. A opção pela utilização do termo adesão é justificada pela preocupação em abranger outros fatores fundamentais, além da responsabilidade individualizada do enfermo. Esta abordagem possibilitou compreender as concepções de doença, as dinâmicas sociais entre os diversos protagonistas envolvidos no processo da doença e seu tratamento. Levaram-se em consideração alguns dos fatores implicados na adesão ao tratamento: características sócio-demográficas, fatores culturais, crenças populares, relação de custo benefício, aspectos físicos e químicos dos medicamentos, interação médico paciente e grau de participação familiar no tratamento.

Keywords : Tuberculose; Pacientes; Uso de Medicamentos; Antropologia.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese