SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue4The role of dentistry in the interdisciplinary team: contributing to comprehensive health care for the elderlyThe Brazilian Drug Information System - SISMED author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

KITOKO, Pedro Makumbundu et al. Situação do aleitamento materno em duas capitais brasileiras: uma análise comparada. Cad. Saúde Pública [online]. 2000, vol.16, n.4, pp. 1111-1119. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2000000400029.

Este artigo descreve a análise dos resultados de diagnóstico rápido das práticas de alimentação infantil valendo-se de inquéritos realizados em amostras de crianças menores de um ano em Dias Nacionais de Vacinação, nas cidades de Florianópolis e João Pessoa. A análise de dados sugere existência de processos diferenciados dessas práticas nas cidades estudadas. A maioria das crianças inicia a amamentação, mas a prevalência do aleitamento materno exclusivo (AME) em menores de quatro meses de idade (46,3% em Florianópolis e 23,9% em João Pessoa) e de alimentação complementar oportuna (32,2% em Florianópolis e 24,8% em João Pessoa) encontram-se aquém das metas preconizadas. As medianas de duração de AME e de amamentação foram de 53 e 238 dias, respectivamente, em Florianópolis e, 16,5 e 195 dias, respectivamente, em João Pessoa. A situação é melhor em Florianópolis quando comparado com João Pessoa. Espera-se que esses resultados sirvam de base para monitorar a evolução dos indicadores e planejar ou redirecionar as atividades pró-amamentação e as políticas nutricionais.

Keywords : Aleitamento Materno; Suplementação Alimentar; Alimentação; Análise Estatística.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese