SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue4The Brazilian Drug Information System - SISMEDOn the Brazilian National Medical Course Examination author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

ZIMMERMAN, Robert H.. Malaria in Sucre State, Venezuela. Cad. Saúde Pública [online]. 2000, vol.16, n.4, pp. 1127-1131. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2000000400031.

O autor faz uma revisão do programa de pesquisa sobre malária no Estado de Sucre, Venezuela, à luz de uma abordagem ecossistêmica. O objetivo era determinar quais métodos poderiam ter sido introduzidos no início do estudo para torná-lo mais ecológico e interdisciplinar. A fase inicial do estudo não incluía uma abordagem ecossistêmica ou controle integrado da doença, que só foram incorporados quando dois ecossistemas contrastantes no Estado de Sucre foram selecionados para pesquisa, junto com um método de controle de vetores com base nos resultados. Uma política de saúde bem-definida com uma abordagem ecossistêmica é crucial para o sucesso de uma estratégia de pesquisa e controle. Esta revisão sugere que a sustentabilidade é baixa se todos os atores não estiverem envolvidos no desenho e implementação das estratégias de pesquisa e controle. A falta de participação comunitária coloca em cheque a sustentabilidade das intervenções. Conclui-se que havia dois desafios interdependentes para o controle da malária no Estado de Sucre: o desenvolvimento de uma abordagem ecossistêmica para pesquisa e controle da malária e a implementação de uma estratégia integrada de controle de doenças, em que a malária seria uma das principais questões sanitárias.

Keywords : Malária; Medicina Tropical; Controle de Vetores.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English