SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 suppl.2Biosystematics and evolution of the TriatominaeUse of Random Amplified Polymorphic DNA (RAPD) in the populational study of Triatoma brasiliensis Neiva, 1911 author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

COSTA, Jane. Distribuição e caracterização de diferentes populações de Triatoma brasiliensis Neiva, 1911 (Hemiptera, Reduviidae, Triatominae). Cad. Saúde Pública [online]. 2000, vol.16, suppl.2, pp. S93-S95. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2000000800011.

Triatoma brasiliensis Neiva, 1911 é agora considerado o mais importante vetor da doença de Chagas nas áreas semi-áridas do nordeste do Brasil. Quatro populações distintas de T. brasiliensis foram evidenciadas através de estudos multidisciplinares: brasiliensis (Caicó, RN), melânica (Espinosa, MG), macromelasoma (Petrolina, PE) e juazeiro (Juazeiro, BA). A microscopia eletrônica de varredura do exocório dos ovos de cada população evidenciou um padrão de ornamentação distinto para cada uma delas. As populações brasiliensis, macromelasoma, e juazeiro foram encontradas em ecótopos artificiais e naturais enquanto a população melânica foi localizada apenas em ecótopos naturais. As análises isoenzimáticas detectaram diferenças fenotípicas entre todas as populações, sendo a melânica a mais distinta. Sob o ponto de vista epidemiológico, a população brasiliensis é a principal, por apresentar a mais ampla distribuição geográfica, o mais alto índice de infecção natural por Trypanosoma cruzi e por ocupar ampla variedade de ecótopos.

Keywords : Doença de Chagas; Triatominae; Triatoma brasiliensis; Insetos Vetores.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese