SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue1Analysis of child and adolescent mortality reporting in Recife from 1979 to 1995Shared local health system management and community participation in Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

CORSO, Arlete Catarina Tittoni; BURALLI, Keiko Ogura  and  SOUZA, José Maria Pacheco de. Crescimento físico de escolares de Florianópolis, Santa Catarina, Brasil: um estudo caso-controle. Cad. Saúde Pública [online]. 2001, vol.17, n.1, pp. 79-87. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2001000100008.

O estudo foi elaborado sob a forma de um desenho tipo caso-controle com base em levantamento de prevalência para verificar os efeitos das variáveis sócio-econômicas, ambientais e de morbidade/biológicas no crescimento de escolares de famílias carentes. Os casos foram escolares com índice estatura/idade (E/I) £ 2 DP (NCHS). Os controles foram pareados segundo sexo em dois grupos: C1 com índice E/I entre -1 DP e a mediana, e C2 com índice E/I > mediana até + 1 DP. Utilizou-se o teste de associação Mantel-Haenszel para verificar a relação de cada variável com o índice E/I; a análise multivariada não condicional para identificar qual dos blocos de variáveis teria efeito significativo, da mesma forma que quais as variáveis teriam efeito significativo em cada bloco. Na 1ª etapa, as variáveis com efeito significativo (p < 0,05) - C1 foram as sócio-econômicas e C2, as sócio-econômicas, as ambientais e as morbidade/biológicas. No modelo final, permaneceram com efeito significativo - C1 somente variáveis sócio-econômicas e C2, as sócio-econômicas e as morbidade/biológicas. Concluiu-se que as variáveis sócio-econômicas são hierarquicamente superiores a outros fatores de risco.

Keywords : Saúde Escolar; Estatura; Estado Nutricional; Fatores de Risco.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese