SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue1Frontiers of anthropological research: Ethics, Autonomy, and Trafficking in Human Organs. A commentary on The Global Traffic in Human Organs, by Nancy Scheper-HughesDigestive tract microbiota in female Lutzomyia longipalpis (Lutz & Neiva, 1912) (Diptera: Psychodidae) feeding on blood meal and sacarose plus blood meal author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

REBELO, José Manuel Macário. Freqüência horária e sazonalidade de Lutzomyia longipalpis (Diptera: Psychodidae: Phlebotominae) na Ilha de São Luís, Maranhão, Brasil. Cad. Saúde Pública [online]. 2001, vol.17, n.1, pp. 221-227. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2001000100023.

A distribuição sazonal e horária de Lutzomyia longipalpis foi estudada nos ambientes peri e intradomiciliar de duas localidades da Ilha de São Luís, estado do Maranhão. Os 11.200 exemplares capturados foram atraídos por quatro armadilhas CDC nos anos de 1996 e 1997, mensalmente, das 18h às 6h. L. longipalpis comportou-se como uma espécie anual, tendo sido encontrada em alta freqüência em todos os meses do ano, tendendo a ser mais abundante no período chuvoso (57,2%) do que no seco (42,8%). As maiores freqüências foram observadas nos meses de janeiro e abril, no período chuvoso, e em julho e novembro, no período seco. Foi encontrada a noite inteira, porém foi mais freqüente entre 18h e 22h no peridomicílio, e entre 20h e 2h no intradomicílio.

Keywords : Phlebotominae; Psychodidae; Ecologia de Vetores; Insetos Vetores.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese