SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue3The Bambuí Project: a population-based study of factors associated with regular dental care in adultsThe Helsinki Declaration: relativism and vulnerability author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

CORDEIRO, Ricardo  and  DONALISIO, Maria Rita Camargo. Homicídios masculinos na Região Metropolitana de São Paulo entre 1979 e 1998: uma abordagem pictórica. Cad. Saúde Pública [online]. 2001, vol.17, n.3, pp. 669-677. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2001000300021.

Os homicídios tornaram-se um grave problema social no Brasil nas últimas duas décadas, com repercussões em diversas áreas. O objetivo deste estudo é representar por imagens tridimensionais a evolução dos homicídios no sexo masculino, durante os últimos vinte anos, na Região Metropolitana de São Paulo. São apresentados o número absoluto e a proporção de incidência de óbitos masculinos causados por homicídios, bem como o logaritmo natural do risco relativo masculino/feminino de óbito por homicídio, na Região Metropolitana de São Paulo, entre 1979 e 1998. A proporção de incidência de óbitos por homicídios no sexo masculino cresceu de 35 para 121 (x 10-5) na região e período estudados. São apresentadas sete figuras tridimensionais que, em seu conjunto, situam a evolução deste fenômeno de acordo com faixa etária, ano calendário e sexo. As figuras apresentadas permitem facilmente visualizar as quatro principais características dos homicídios entre a população masculina: nítida predominância entre adolescente e adultos jovens; aumento consistente e acentuado ano a ano; espraiamento tanto para as menores idades (abaixo dos 18) quanto para as maiores (acima dos trinta); e manutenção de incidência elevada nas idades superiores a quarenta anos no final do período estudado.

Keywords : Homicídios; Incidência; Violência.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese