SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 issue2Non-fatal work-related injuries in adolescentsSerum DDT in malaria vector control sprayers in Mato Grosso State, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Cadernos de Saúde Pública

On-line version ISSN 1678-4464Print version ISSN 0102-311X

Abstract

STRUFALDI, Maria Wany Louzada et al. Prevalência de desnutrição em crianças residentes no Município de Embu, São Paulo, Brasil, 1996-1997. Cad. Saúde Pública [online]. 2003, vol.19, n.2, pp.421-428. ISSN 1678-4464.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2003000200008.

O presente trabalho teve como objetivo descrever o perfil nutricional de crianças residentes no Município de Embu, São Paulo, Brasil, em 1996-1997, visando a identificar segmentos populacionais mais vulneráveis que demandassem atuação específica dos serviços de saúde. A amostra consistiu em 320 crianças de zero a cinco anos, distribuídas em quatro estratos de condições de vida. Considerou-se os índices expressos em z escores: P/I, E/I e P/E, para avaliação antropométrica e a curva NCHS como referência. Em todos os estratos e em todas as faixas de idade, o índice E/I foi o mais freqüentemente comprometido e o P/E apresentou menores freqüências de déficits. Não se observaram diferenças estatisticamente significantes entre os quatro estratos e entre as faixas de idade. As crianças nascidas com baixo peso apresentaram maiores prevalências de déficits, considerando-se todos os índices. As freqüências de déficits para o município foram: P/I < 2z: 2,9%, E/I < 2z: 7,1% e P/E < 2z : 0,2%. O déficit estatural pode servir como alerta, considerando que perdas ao longo dos anos têm reflexos no futuro.

Keywords : Transtornos Nutricionais; Antropometria; Inquéritos Nutricionais.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )