SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 issue6The current applicability of Viegas simplified indices to dental caries epidemiological surveysOccupational exposure to pesticides and health professionals' interpretation of "nervousness" among rural residents author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

PORTO, Marcelo Firpo de Souza; JUNCA, Denise Chrysóstomo de Moura; GONCALVES, Raquel de Souza  and  FILHOTE, Maria Izabel de Freitas. Lixo, trabalho e saúde: um estudo de caso com catadores em um aterro metropolitano no Rio de Janeiro, Brasil. Cad. Saúde Pública [online]. 2004, vol.20, n.6, pp. 1503-1514. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2004000600007.

Este artigo apresenta os resultados de uma investigação sobre condições de vida, trabalho e saúde envolvendo 218 catadores de materiais recicláveis atuando no aterro metropolitano do Rio de Janeiro, Brasil. Recorrendo a um inquérito semi-estruturado, a pesquisa ouviu tais sujeitos sobre seu cotidiano e as percepções acerca de suas condições de vida, trabalho e saúde. Através de uma análise quanti-qualitativa, identificou-se que os catadores entrevistados percebem o lixo como fonte de sobrevivência, a saúde como capacidade para o trabalho e, portanto, tendem a negar a relação direta entre o trabalho e problemas de saúde. Contudo, os riscos levantados e a morbidade referida apontam para a elevada insalubridade e periculosidade dessa atividade, agravadas, possivelmente, pelas condições de vida que apresentam, inclusive no que se refere aos locais de moradia. Ao final, o artigo sugere a construção de políticas públicas que integrem diferentes dimensões do problema, como inclusão social, preservação ambiental, saúde pública e o resgate da dignidade desses trabalhadores.

Keywords : Lixo; Saúde Ocupacional; Condições de Trabalho.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese