SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 issue6Evaluation of management capacity in social organizations: an in-process methodological proposalBambuí Project: a qualitative approach to self-medication author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

PECHANSKY, Flavio et al. Fatores de risco para transmissão do HIV em usuários de drogas de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. Cad. Saúde Pública [online]. 2004, vol.20, n.6, pp. 1651-1660. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2004000600024.

Em um estudo transversal com uma amostra de 420 usuários de drogas de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, foram avaliados demografia, uso de drogas e situações de risco para contaminação pelo HIV por meio da versão brasileira do questionário Comportamentos de Risco para AIDS. A prevalência de HIV positivos foi de 22,6%; 39,3% tinham 30 anos ou mais e 69,5% eram homens. Nos trinta dias prévios à coleta, 56,8% tinham usado maconha, 43,6% cocaína inalada, 17,6% cocaína injetada e 42,4% álcool freqüentemente. As variáveis que se mantiveram associadas com infecção por HIV após regressão logística foram idade superior a trinta anos (RC: 2,89; IC95%: 1,17-7,12), ter menos de sete anos de estudo (RC: 2,10; IC95%: 1,02-4,36), renda de menos de um salário mínimo (RC: 2,89; IC95%: 1,32-6,32) e ter usado droga injetável (DI) (RC: 5,18; IC95%: 2,89-9,28). A taxa de infecção pelo HIV encontrada foi alta, considerando que 70,0% nunca haviam usado DI. As variáveis associadas com contaminação por HIV estão de acordo com as literaturas nacional e internacional e com o modelo teórico de exposição a risco proposto pelo primeiro autor.

Keywords : HIV; Síndrome de Imunodeficiência Adquirida; Drogas Ilícitas; Fatores de Risco.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese