SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 issue3Construct validity of the Medical Outcomes Study's social support scale adapted to Portuguese in the Pró-Saúde StudyValidation of food security and social support scales in an Afro-Colombian community: application on a prevalence study of nutritional status in children aged 6 to 18 months author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

GOULART, Lúcia Maria Horta de Figueiredo; SOMARRIBA, Mercês Gomes  and  XAVIER, César Coelho. A perspectiva das mães sobre o óbito infantil: uma investigação além dos números. Cad. Saúde Pública [online]. 2005, vol.21, n.3, pp. 715-723. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2005000300005.

Estudo qualitativo realizado em Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil, com objetivo de investigar a morte infantil sob a perspectiva das mães. Foram entrevistadas 16 mães que haviam perdido seus bebês, a maioria no período neonatal. As entrevistas foram analisadas tomando-se como principais categorias a percepção do processo saúde-doença-morte, a relação médico-paciente e a qualidade da assistência. A descontinuidade entre o pré-natal e o parto, as dificuldades enfrentadas para a realização do parto, a peregrinação das gestantes, a falta de comunicação com os profissionais de saúde, a dissociação entre as condições hospitalares oferecidas e as necessidades percebidas, foram algumas das situações evidenciadas. Medo, solidão, abandono, insegurança, impotência foram sentimentos que acompanharam as mães por ocasião do parto e durante o curto período de vida da criança. A iniqüidade de direitos, como categoria mais abrangente, permeou os diversos depoimentos, revelando um processo de exclusão das mães e de suas crianças enquanto usuárias do sistema público de saúde.

Keywords : Mortalidade Infantil; Saúde Materno-infantil; Processo Saúde-doença.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese