SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 issue4The hygienic hypothesis and transformations in etiological knowledge: from causal ontology to ontogenesis of the bodyFactors associated with readmission to a general hospital in Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

BARBOSA, Aline R. et al. Diferenças em limitações funcionais de idosos brasileiros de acordo com idade e sexo: dados da pesquisa SABE. Cad. Saúde Pública [online]. 2005, vol.21, n.4, pp. 1177-1185. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2005000400020.

Em amostra representativa de idosos residentes no Município de São Paulo, Brasil, foram utilizados testes de desempenho motor (TDM) com objetivo de verificar a proporção de indivíduos, de acordo com sexo e grupo etário, quanto à limitação funcional. Trata-se de estudo epidemiológico transversal, de base populacional e domiciliar, parte de pesquisa multicêntrica (SABE), coordenada pela Organização Pan-Americana da Saúde. A SABE abrangeu 2.143 idosos (> 60 anos), de ambos os sexos, no período de janeiro/2000 a março/ 2001; sendo que 1.894 (88,4%) participaram deste estudo. Os seguintes TDM foram utilizados: força de preensão manual; "sentar e levantar" e "agachar e pegar uma caneta" (avaliados por tempo) e; teste de equilíbrio estático. A prevalência quanto ao desempenho (qui-quadrado) foi específica para sexo, grupo etário e teste utilizado. O percentual de homens e mulheres com melhor escore foi menor (p = 0,000) nos grupos etários mais avançados. Quando comparados às mulheres, os homens, em todos os grupos etários, apresentaram melhores resultados nos testes. O presente estudo fornece evidências de que a limitação funcional é mais freqüente no sexo feminino e nos indivíduos mais idosos.

Keywords : Saúde do Idoso; Envelhecimento; Força da Mão; Estudos de Tempo e Movimento.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English