SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 issue5Public health and mental health: methodological tools to evaluate the Brazilian Network of Referral Centers for Psycho-Social Care (CAPS) in the Brazilian Unified Health SystemPrevalence and factors associated with dental pain that prevents the performance of routine tasks by civil servants in Rio de Janeiro, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

FERRARI, Lígia Silvana Lopes; BRITO, Ângela Sara Jamusse de; CARVALHO, Ana Berenice Ribeiro de  and  GONZALES, Maria Rafaela Conde. Mortalidade neonatal no Município de Londrina, Paraná, Brasil, nos anos 1994, 1999 e 2002. Cad. Saúde Pública [online]. 2006, vol.22, n.5, pp. 1063-1071. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2006000500019.

Apesar dos avanços tecnológicos nas últimas décadas, a mortalidade neonatal é responsável por mais de 2/3 dos óbitos infantis, principalmente em regiões onde o coeficiente de mortalidade infantil é baixo. O objetivo deste estudo é analisar os óbitos neonatais do Município de Londrina, Paraná, Brasil, em três períodos, iniciando por 1994 ­ ano de implantação das UTIs pediátrica e neonatal no município. Foram utilizados dados do SINASC e análise individualizada de cada declaração de óbito neonatal dos anos de 1994, 1999 e 2002. Verificou-se redução do número de nascimentos no município, o índice de baixo peso aumentou de 7,7 para 8,8%, e o de prematuridade aumentou de 6,3 para 8,4%. Houve aumento de gestações múltiplas. A taxa de cesariana variou de 48 a 52%. O coeficiente de mortalidade neonatal declinou de 10,1 para 6,4 por mil nascidos vivos. A maioria dos óbitos são evitáveis, principalmente, por adequada atenção na gravidez. Conclui-se que está ocorrendo uma melhora progressiva na assistência ao recém-nascido, e isso é um bom indicador das ações de saúde do município.

Keywords : Mortalidade Infantil; Peso ao Nascer; Unidades de Terapia Intensiva Neonatal; Unidades de Terapia Intensiva Pediátrica.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese