SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 issue12Influences and hegemonies in health reform researchLocal implementation of the Family Health Program in Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

MONTEIRO, Denise Leite Maia; TRAJANO, Alexandre José Baptista; SILVA, Kátia Silveira da  and  RUSSOMANO, Fábio Bastos. Doença cervical pré-invasiva e câncer cérvico-uterino em adolescentes brasileiras: prevalência e fatores associados. Cad. Saúde Pública [online]. 2006, vol.22, n.12, pp. 2439-2548. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2006001200004.

O objetivo foi descrever a freqüência e os fatores associados ao câncer cervical (CA) e lesões escamosas intra-epiteliais de alto grau (HSIL) entre adolescentes. Realizou-se estudo transversal com 702 adolescentes sexualmente ativas, assistidas em um hospital geral no Rio de Janeiro, Brasil, entre 1993 e 2002. A investigação foi realizada através de citopatologia e colposcopia, e a confirmação por biópsia cervical. As variáveis de exposição foram características sociais e demográficas, e aquelas relacionadas à saúde reprodutiva, hábitos e comportamento sexual. Baseado nos achados histopatológicos, a freqüência de HSIL/CA foi 3% (IC95%: 1,8-4,6). Houve um caso de câncer invasivo. A cada nova gestação, a chance de HSIL/CA aumentava 2,2 vezes (IC95%: 1,1-4,4). A idade também esteve associada com este resultado (OR = 2,0; IC95%: 1,2-3,4), dobrando a cada ano de idade a chance de adquirir este nível da doença. A freqüência de lesões cervicais intra-epiteliais sugere a importância de incluir adolescentes sexualmente ativas nos programas de prevenção do câncer cervical, com o objetivo de detectar e assegurar o tratamento precoce destas lesões.

Keywords : Neoplasias do Colo do Útero; Papillomavirus Humano; Adolescente.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English