SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 issue7Nutrition and health promotion: recent perspectivesImpact of the Haemophilus influenzae type b vaccination program on HIB meningitis in Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

REILLY, Lucy A.; FAVACHO, Joana; GARCEZ, Lourdes M.  and  COURTENAY, Orin. Evidência preliminar que moscas sinantrópicas contribuem à transmissão de Chlamydia trachomatis causando tracoma na América Latina. Cad. Saúde Pública [online]. 2007, vol.23, n.7, pp. 1682-1688. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2007000700020.

Insetos sinantrópicos são importantes vetores mecânicos de Chlamydia trachomatis, causadora de tracoma, contudo, estudos entomológicos não são freqüentes na América Latina. Esse estudo determina a relação entre densidade de dípteros domésticos e tracoma ativo na infância em uma vila na Ilha do Marajó, Estado do Pará, Brasil. Moradores de 78 residências foram examinados para sinais de tracoma e a relativa abundância de potenciais vetores de tracoma (Diptera, Chloropidae e Diptera, Muscidae) foi quantificada junto com medidas adicionais de higiene doméstica associada com a transmissão de C. trachomatis. A prevalência de tracoma ativo na infância foi 24,1% (45/187), presente em 46,3% das residências amostradas com evidência de aglomeração de casos. A prevalência na infância foi positivamente associada com o aumento das densidades de insetos, enquanto medidas indiretas de condições sanitárias (possuir latrina e perceber a importância dos insetos) foram protetoras. Esse estudo indica que C. trachomatis pode ser transmitida por insetos sinantrópicos nessa região da América Latina.

Keywords : Tracoma; Chlamydia trachomatis; Vetores de Doenças.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English