SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 issue11Evaluation of sandfly control measures in northern Paraná State, BrazilHormone replacement therapy and endometrial cancer author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

PASTRE, Eliane Cristina et al. Queixas osteomusculares relacionadas ao trabalho relatadas por mulheres de centro de ressocialização. Cad. Saúde Pública [online]. 2007, vol.23, n.11, pp. 2597-2604. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2007001100008.

Considerando as queixas de origem laboral um problema de saúde pública, objetivou-se, com o presente estudo, analisar a freqüência da população que refere queixas osteomusculares e a associação de ocorrência e severidade destas às variáveis antropométricas e de trabalho. Tomou-se 146 mulheres de um centro de ressocialização feminino, que responderam a um questionário validado contendo informações sobre dados antropométricos e queixas osteomusculares relacionadas ao trabalho. O estudo da associação entre e dentro das variáveis foi feito pelo teste de Goodman. Observou-se elevada freqüência de ocorrência de queixas após início de atividade laboral (94,19%). As participantes com necessidade de afastamento apresentaram maiores valores em idade e peso. Queixa acentuada foi mais referida na coluna do tronco. Afastamento foi mais referido para as que trabalhavam há mais tempo. Concluiu-se que é alta a freqüência de queixas relacionadas ao trabalho e que há associação entre maiores valores de peso e de estatura e nível de severidade acentuado; maiores valores de idade e de peso e necessidade de afastamento; níveis acentuados de queixas e região da coluna e entre maior tempo de serviço e necessidade de afastamento.

Keywords : Transtornos Traumáticos Cumulativos; Saúde da Mulher; Saúde Ocupacional; Antropometria.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese