SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 issue11Violence against women: analysis of cases treated at three services in the city of Uberlândia, Minas Gerais State, BrazilPrevalence of cardiovascular risk factors in adolescents author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

ANDRADE, Carla Lourenço Tavares de; SZWARCWALD, Celia Landmann  and  CASTILHO, Euclides Ayres de. Baixo peso ao nascer no Brasil de acordo com as informações sobre nascidos vivos do Ministério da Saúde, 2005. Cad. Saúde Pública [online]. 2008, vol.24, n.11, pp. 2564-2572. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2008001100011.

Embora seja notório que a cobertura do Sistema de Informação sobre Nascidos Vivos (SINASC) esteja crescendo e que a qualidade da informação venha melhorando, desde a sua implantação, sabe-se que a enumeração de nascidos vivos ainda não é completa no Brasil. Neste trabalho, objetiva-se analisar as desigualdades da proporção do baixo peso ao nascer no Brasil, em 2005, segundo alguns aspectos como o geográfico, o tamanho da população do município e a escolaridade da mãe. Analisou-se, igualmente, a influência da atenção pré-natal. Considerando a totalidade dos nascidos vivos, evidenciou-se o paradoxo do baixo peso ao nascer, ou seja, foram encontrados percentuais mais elevados nas áreas de maior desenvolvimento sócio-econômico. Os resultados paradoxais são explicados, principalmente, pela menor sobrevida e registro inadequado dos prematuros nos municípios mais pobres. Levando-se em conta os nascidos vivos a termo de gestação não-múltipla, foram encontradas desigualdades por grau de escolaridade da mãe. Sugere-se que o atendimento pré-natal abrangente e com qualidade poderia ter um impacto maior na redução dos resultados adversos da gestação, contribuindo para a diminuição das desigualdades sócio-econômicas da saúde perinatal no Brasil.

Keywords : Nascimento Vivo; Recém-Nascido de Baixo Peso; Sistemas de Informação.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese