SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 suppl.3The use of maternal and child health services in three population-based cohorts in Southern Brazil, 1982-2004Developmental status at age 12 months according to birth weight and family income: a comparison of two Brazilian birth cohorts author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

MATIJASEVICH, Alicia et al. Internações hospitalares durante a infância em três estudos de base populacional no Sul do Brasil: tendências e diferenciais. Cad. Saúde Pública [online]. 2008, vol.24, suppl.3, pp. s437-s443. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2008001500009.

Foram organizadas três coortes de crianças nascidas na área urbana de Pelotas, Rio Grande do Sul, em 1982, 1993 e 2004. O presente estudo teve como objetivos medir a ocorrência de hospitalização no primeiro ano de vida e estudar a associação entre hospitalização e causa de internação e sexo, peso ao nascer e renda familiar. As causas de internação eram categorizadas como "diarréia" e "todas as outras causas". As proporções de crianças hospitalizadas pelo menos uma vez durante o primeiro de ano de vida foram 19,6% em 1982, 18,1% em 1993 e 19,2% em 2004. Houve uma redução marcante nas internações por diarréia, enquanto permanecia constante a freqüência de internações por todas as causas. Nas três coortes, as crianças de famílias mais pobres e aquelas que nasceram com peso abaixo de 2000g mostraram as freqüências mais elevadas de internações por diarréia e por todas as outras causas, e a coorte de 2004 também mostrou um aumento marcante nas internações por todas as causas. Os achados podem ser explicados por uma epidemia de nascimentos prematuros na população estudada.

Keywords : Hospitalização; Morbidade; Bem-Estar da Criança; Estudos de Coortes.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English