SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 issue9Specific dengue transmission conditions at the local level: a study in Itaipu, Niterói, Rio de Janeiro State, BrazilPredictors of subjective burden for families of psychiatric patients treated in the public health care system in Belo Horizonte, Minas Gerais State, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

MAGNANI, Claudia; DIAS, João Carlos Pinto  and  GONTIJO, Eliane Dias. Como as ações de saúde pensam o homem e como o homem as repensa: uma análise antropológica do controle da doença de Chagas. Cad. Saúde Pública [online]. 2009, vol.25, n.9, pp. 1947-1956. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2009000900009.

Estudo antropológico sobre a percepção cultural de um grupo de residentes no Município de Bambuí, Minas Gerais, Brasil, em relação à experiência de doença de Chagas e ao impacto das ações de saúde na vida social. Foi realizada uma pesquisa etnográfica baseada no instrumento de entrevista aberta, buscando identificar a percepção individual de 35 habitantes de Bambuí (chagásicos e não) que viveram na região desde os anos quarenta, quando as ações de saúde foram promovidas para combater a doença de Chagas. Dentro de uma ampla análise da percepção social do efeito das ações de saúde implementadas, procurou-se observar as representações culturais do processo do adoecer. O estudo pretende contribuir para que as intervenções de saúde possam atuar de forma integral, incluindo os aspectos sócio-culturais com a população à qual se dirigem. A perspectiva cultural assume um importante papel para evitar sofrimento social.

Keywords : Doença de Chagas; Controle de Doenças Transmissíveis; Antropologia Cultural.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese