SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 issue11Factors associated with maintenance of teeth in adults in the State of São Paulo, BrazilFinancial and economic sustainability of public spending on health care by local governments: an analysis of data from municipalities in Mato Grosso State, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

PEREIRA, Rosângela Alves; ANDRADE, Roseli Gomes de  and  SICHIERI, Rosely. Mudanças no consumo alimentar de mulheres do Município do Rio de Janeiro, Brasil, 1995-2005. Cad. Saúde Pública [online]. 2009, vol.25, n.11, pp. 2419-2432. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2009001100012.

Compara-se o consumo alimentar de mulheres de 35 anos e mais investigado em dois estudos transversais de base populacional desenvolvidos no Rio de Janeiro, Brasil, em 1995-1996 (n = 1.014) e 2004-2005 (n = 1.001). Utilizou-se questionário de freqüência do consumo de alimentos para estimar o consumo de alimentos e o índice de massa corporal (IMC = peso/estatura2) para avaliar o estado nutricional. A prevalência da obesidade (IMC 30kg/m2) aumentou no período de 10 anos (16,6% para 24%). O consumo de diversos alimentos com alta densidade energética sofreu incremento, como: biscoitos salgados, doces, bacon, lingüiça/salsicha e hambúrguer. Outros foram relatados com menor freqüência: manteiga/margarina, maionese, batata frita ou chips, e açúcar. Frutas, leite, feijão, raízes e tubérculos, e carnes tiveram redução do consumo. Mulheres com escolaridade elevada apresentaram maior redução no consumo de frutas e carnes. As mudanças na prevalência da obesidade parecem estar relacionadas com as modificações do consumo de alimentos e dependentes do grau de escolarização.

Keywords : Consumo de Alimentos; Obesidade; Mulheres; Questionário.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese