SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 suppl.3Impact of methodology on the results of economic evaluations of varicella vaccination programs: is it important for decision-making?Childhood poverty and abdominal obesity in adulthood: a systematic review author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

DUMITH, Samuel C.. Atividade física no Brasil: uma revisão sistemática. Cad. Saúde Pública [online]. 2009, vol.25, suppl.3, pp. S415-S426. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2009001500007.

O objetivo deste estudo foi descrever, por meio de uma revisão sistemática, a prevalência de atividade (ou inatividade) física no Brasil. As bases de dados consultadas foram: LILACS, SciELO, MEDLINE, Web of Science e o portal Google Acadêmico. Os termos de busca foram: "atividade física", "exercício físico", "inatividade física", "sedentarismo", "Brasil" e "brasileiros". Foram localizados 47 estudos (todos transversais) com dados sobre prevalência de atividade física em amostras aleatórias, sendo que em 26, esta foi a principal variável. Apenas dois estudos foram publicados antes de 2000, e 12 em 2008. Houve uma grande concentração de trabalhos nas regiões Sul e Sudeste, e poucos estudos com crianças. Em todos os trabalhos, a atividade física foi mensurada de forma subjetiva, principalmente por meio de questionários, e o domínio mais estudado foi o lazer. Os critérios para definir atividade física variaram amplamente, assim como a sua prevalência. Evidencia-se a necessidade de padronização dos instrumentos, critérios e nomenclatura nos estudos epidemiológicos sobre atividade física.

Keywords : Atividade Motora; Exercício; Revisão.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English