SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 issue5Influenza vaccination in non-institutionalized elderly: a population-based study in a medium-sized city in Southern Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

RAFAEL, Ricardo de Mattos Russo  and  MOURA, Anna Tereza Miranda Soares de. Barreiras na realização da colpocitologia oncótica: um inquérito domiciliar na área de abrangência da Saúde da Família de Nova Iguaçu, Rio de Janeiro, Brasil. Cad. Saúde Pública [online]. 2010, vol.26, n.5, pp. 1045-1050. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2010000500026.

O objetivo deste estudo foi analisar as barreiras impeditivas do acesso ao rastreio do câncer do colo uterino no âmbito da Saúde da Família do Município de Nova Iguaçu, Rio de Janeiro, Brasil. Por meio de um inquérito domiciliar foram entrevistadas 281 mulheres com idades entre 20 e 59 anos. Para avaliação das barreiras de acesso ao exame, utilizou-se a versão em português do instrumento Champion's Health Belief Model Scale (CHBMS). O medo relacionado ao resultado do exame (39,85%; IC95%: 34,09-45,61) e ao profissional examinador (31,31%; IC95%: 25,86-36,77), a vergonha (39,85%; IC95%: 34,09-45,61) e o esquecimento relacionado ao agendamento do exame (32,02%; IC95%: 26,53-37,51) foram referidos como as principais barreiras impeditivas do acesso. Como os fatores de impedimento variaram de acordo com as características sociodemográficas da população, acredita-se que a estruturação das práticas de rastreio da doença deve ser pautada na realidade territorial.

Keywords : Neoplasias do Colo Uterino; Saúde da Família; Acesso aos Serviços de Saúde.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese