SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 issue10Medicine use among adolescents: the 11-year follow-up of the 1993 Pelotas (Brazil) birth cohort studyResting pulse rate among adolescents: the 11-year follow-up of the 1993 Pelotas (Brazil) birth cohort study author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

ANSELMI, Luciana et al. Determinantes precoces de problemas de atenção e hiperatividade na adolescência: a visita de 11 anos da coorte de nascimentos de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, 1993. Cad. Saúde Pública [online]. 2010, vol.26, n.10, pp. 1954-1962. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2010001000012.

O objetivo deste trabalho foi estudar determinantes precoces dos problemas de atenção e hiperatividade em adolescentes. Em 1993, os nascimentos foram recrutados e as mães entrevistadas (n = 5.249). Aos 11 anos, 4.423 mães responderam ao Strengths and Difficulties Questionnaire (SDQ) para avaliar problemas de atenção e hiperatividade nos adolescentes. Variáveis socioeconômicas, demográficas, biológicas e psicológicas foram investigadas como prováveis fatores de risco. Razões de prevalência brutas e ajustadas foram calculadas com regressão de Poisson. A prevalência de problemas de atenção e hiperatividade foi 19,9%. Sexo masculino, baixa renda familiar, tabagismo materno na gestação, transtornos psiquiátricos maternos e problemas de comportamento/emocionais do adolescente aos quatro anos permaneceram associados na análise ajustada. Eventos do início da vida influenciaram os problemas de atenção e hiperatividade na adolescência. Os fatores de risco para problemas de atenção e hiperatividade foram similares aos encontrados em diferentes culturas.

Keywords : Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade; Adolescente; Estudos de Coorte.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English