SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 issue9Prevalence of falls in elderly in Brazil: a countrywide analysisResources and capacity of emergency trauma care services in Peru author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

OLIVEIRA, Marcio Sacramento de; LEON, Antônio Ponce de; MATTOS, Inês Echenique  and  KOIFMAN, Sérgio. Susceptibilidade segundo sexo na associação entre poluição do ar e mortalidade por doenças respiratórias. Cad. Saúde Pública [online]. 2011, vol.27, n.9, pp. 1827-1836. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2011000900016.

O estudo avaliou a associação entre poluição do ar e óbitos por doenças respiratórias, considerando susceptibilidade diferencial segundo sexo. Foram utilizados óbitos diários por doenças respiratórias (CID-10, J00-J99), níveis de PM10, SO2, O3 e indicadores meteorológicos de Volta Redonda, Rio de Janeiro, Brasil, de janeiro de 2002 a dezembro de 2006. A associação foi estimada por MAG de regressão de Poisson, onde para lag 1, o aumento do risco dos óbitos por PM10 foi de 10,01% (IC95%: 1,81-18,88%) no total da população feminina e 10,04% (IC95%: 0,90-20,02%) em idosas. No total da população masculina, para lag 9, o aumento do risco de óbitos por PM10 foi de 8,25% (IC95%: 0,86-16,18%) e de 10,80% (IC95%: 2,18-20,15%) para os idosos. Para exposição ao SO2 e O3, o risco foi significativo no total da população masculina e em idosos respectivamente. Os resultados reforçam a necessidade de estudos adicionais, centrando-se na modificação dos efeitos da poluição do ar sobre a saúde.

Keywords : Poluição do Ar; Doenças Respiratórias; Suscetibilidade a Doenças; Mortalidade.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English