SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 issue10Comprehensive Primary Health Care in South America: contexts, achievements and policy implicationsUnplanned pregnancy in Southern Brazil: prevalence and associated factors author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

SOUZA, Luciene Guimarães de et al. Demografia e saúde do povo indígena Xavante de Mato Grosso, Brasil. Cad. Saúde Pública [online]. 2011, vol.27, n.10, pp. 1891-1905. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2011001000003.

Este estudo investiga o comportamento demográfico dos índios Xavante de Mato Grosso, Brasil Central. Os dados foram coletados entre 1999 e 2004, a partir de censos domiciliares e da coleta de estatísticas vitais. Além das análises demográficas, realizou-se análise de sobrevida. Os Xavante apresentam uma estrutura etária jovem, típica de população em fase de recuperação populacional, com alta fecundidade (média de 7,7 nascidos vivos por mulher) e mortalidade em declínio. As taxas de mortalidade, especialmente a infantil (97 por mil), continuam a ser muito elevadas, ultrapassando as taxas regionais e nacionais. O crescimento natural é o principal fator no aumento populacional. A população cresce a uma taxa média de 4,4% ao ano. Argumenta-se que não somente a recente queda da mortalidade, assim como da fecundidade, podem estar relacionadas à implementação do novo sistema de saúde voltado para os povos indígenas no Brasil a partir de 1999. Os Xavante apresentam significativa diversidade demográfica interna, que parece estar associada a histórias de contato e a determinantes socioculturais.

Keywords : Demografia; Fecundidade; Mortalidade; Análise de Sobrevida; Índios Sul-Americanos.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English