SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 issue10Epidemiological characteristics of Brazilian spotted fever in Minas Gerais State, Brazil, 2000-2008Abdominal obesity in Japanese-Brazilians: which measure is best for predicting all-cause and cardiovascular mortality? author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

LEITE, Régia Maria Batista et al. Fatores de risco para mortalidade materna em área urbana do Nordeste do Brasil. Cad. Saúde Pública [online]. 2011, vol.27, n.10, pp. 1977-1985. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2011001000011.

Este estudo de caso-controle analisou fatores de risco para mortalidade materna no Recife, Pernambuco, Brasil, no período de 2001-2005. Os casos foram 75 óbitos maternos obstétricos, identificados no Sistema de Informações sobre Mortalidade, investigados e analisados pelo Comitê de Mortalidade Materna. Os controles, selecionados no Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos, pela amostra sistemática, foram 300 mulheres residentes no Recife cuja última gravidez ocorreu no mesmo período e não resultou em óbito. O risco de morte foi mais elevado para as usuárias do SUS (OR = 4,47; IC95%: 1,87-10,29), com idade > 35 anos (OR = 3,06; IC95%: 1,59-5,92), < 4 anos de estudo (OR = 4,95; IC95%: 2,43-10,08), que tiveram parto cesáreo (OR = 3,06; IC95%: 1,77-5,29) e para aquelas que não realizaram pré-natal ou tiveram menos de 4 consultas (OR = 9,78; IC95%: 5,52-17,34). Os resultados reafirmam as desigualdades sociais na determinação de mortalidade materna no Recife. Além disso, indicam a necessidade de aprimorar a assistência à saúde da gestante durante o pré-natal, parto e puerpério.

Keywords : Mortalidade Materna; Fatores de Risco; Estudos de Casos e Controles.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese