SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 issue10Use of prescribed and non-prescribed medications among children living in poor areas in the city of Salvador, Bahia State, BrazilThe limits and possibilities of the Schistosomiasis Information System (SISPCE) for surveillance and control activities author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

MOREIRA, Rafael da Silveira; NICO, Lucélia Silva  and  TOMITA, Nilce Emy. O risco espacial e fatores associados ao edentulismo em idosos em município do Sudeste do Brasil. Cad. Saúde Pública [online]. 2011, vol.27, n.10, pp. 2041-2054. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2011001000017.

Objetivou-se identificar fatores associados ao edentulismo e o seu risco espacial em idosos. Foi realizado um estudo transversal em uma amostra de 372 indivíduos de 60 anos e mais, no Município de Botucatu, São Paulo, Brasil, em 2005. Razões de prevalência brutas e ajustadas foram estimadas por meio de regressão de Poisson, com estimativa robusta da variância e procedimentos de modelagem hierárquica. A análise espacial foi realizada por estimativas de densidade de Kernel. A prevalência de edentulismo foi de 63,17%. Os fatores sociodemográficos associados ao edentulismo foram a baixa escolaridade, o aumento do número de pessoas por cômodo, não possuir automóvel e idade mais avançada, presença de comorbidades, ausência de um cirurgião-dentista regular e ter realizado a última consulta há três anos ou mais. A análise espacial mostrou maior risco nas áreas periféricas. Obteve-se uma melhor compreensão da perda dentária entre os idosos, subsidiando o planejamento de ações em saúde coletiva.

Keywords : Perda de Dente; Saúde Bucal; Idoso.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese