SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 issue11Analysis of infant mortality trends and risk factors in Porto Alegre, Rio Grande do Sul State, Brazil, 1996-2008Factors associated with age at first intercourse: a population-based study author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

SCAGLIUSI, Fernanda Baeza; GARCIA, Mariana Tarricone; INDIANI, Ana Luiza Coutinho  and  CARDOSO, Marly Augusto. Validade relativa de um questionário de frequência alimentar desenvolvido para avaliar a ingestão por escolares da Amazônia Ocidental Brasileira. Cad. Saúde Pública [online]. 2011, vol.27, n.11, pp. 2197-2206. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2011001100013.

Objetivou-se avaliar a validade relativa de um questionário de frequência alimentar (QFA) desenvolvido para analisar a ingestão alimentar por escolares da Amazônia Ocidental. A ingestão de 61 escolares, com idades entre 6 e 9 anos, foi avaliada por dois recordatórios alimentares de 24 horas e um QFA, aplicados às mães ou cuidadores da criança. A validade do QFA, comparado à média dos recordatórios, foi avaliada pelos coeficientes de correlação de Pearson ajustados pela atenuação e ingestão energética, pelos gráficos de Bland & Altman e pela concordância de categorização entre os métodos. Os coeficientes de correlação, deatenuados e ajustados, variaram de -0,03 para vitamina C a 0,93 para cálcio. O coeficiente médio foi de 0,46. A proporção média de sujeitos classificados dentro de um quintil pelos dois métodos foi de 66%. Os gráficos de Bland & Altman indicaram boa concordância para quase todos os nutrientes, com limite médio de concordância de 108%. Os resultados sugerem que o QFA possui boa acurácia para a maioria dos nutrientes, em nível grupal, mas não para outros como as vitaminas A e C.

Keywords : Hábitos Alimentares; Inquéritos sobre Dietas; Criança.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English