SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 issue1Minor psychiatric disorders in family caregivers of users of Psychosocial Care Centers in southern BrazilMeanings and practices associated with health and illness among the homeless in Salvador, Bahia State, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

DAL PIZZOL, Tatiane da Silva et al. Uso de medicamentos entre idosos residentes em áreas urbanas e rurais de município no Sul do Brasil: um estudo de base populacional. Cad. Saúde Pública [online]. 2012, vol.28, n.1, pp. 104-114. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2012000100011.

O objetivo foi verificar a prevalência de uso de medicamentos e de polifarmácia entre idosos de Carlos Barbosa, Rio Grande do Sul, Brasil, e comparar as características sociodemográficas e de saúde associadas ao uso, segundo o local de moradia. Foi avaliada uma amostra aleatória de 811 idosos com 60 anos ou mais, moradores na área urbana ou rural. Dados sociodemográficos, doenças crônicas, qualidade de vida e medicamentos autorreferidos foram coletados em entrevistas presenciais. Associação entre local de moradia e uso de medicamentos ou polifarmácia, ajustada para potenciais confundidores, foi avaliada por regressão de Poisson com ajuste robusto da variância. A prevalência de uso de medicamentos e de polifarmácia foi maior entre os idosos urbanos. Morar na área urbana apresentou associação positiva e independente com uso de medicamentos (RP = 1,10; IC95%: 1,02-1,20) e polifarmácia (RP = 1,83; IC95%: 1,27-2,65). Morar na área urbana está associado à maior prevalência de uso de medicamentos e de polifarmácia entre idosos.

Keywords : Idoso; Uso de Medicamentos; Acesso aos Serviços de Saúde; Saúde da População Rural.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese