SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 issue4Public hospital emergency department visits due to burns in Brazil, 2009Teenage pregnancy contextualized: understanding reproductive intentions in a Brazilian shantytown author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

DEMETRIO, Franklin; PINTO, Elizabete de Jesus  and  ASSIS, Ana Marlúcia Oliveira. Fatores associados à interrupção precoce do aleitamento materno: um estudo de coorte de nascimento em dois municípios do Recôncavo da Bahia, Brasil. Cad. Saúde Pública [online]. 2012, vol.28, n.4, pp. 641-650. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2012000400004.

Este estudo objetivou identificar a duração mediana e os fatores associados à interrupção precoce do aleitamento materno. Envolveu uma coorte de nascimento de 531 crianças acompanhadas até os dois anos de idade em dois municípios do Recôncavo da Bahia, Brasil. Utilizaram-se a análise de sobrevivência e o modelo multivariado de Cox. A duração mediana foi de 74,73, 211,25 e 432,63 dias, respectivamente, para o aleitamento materno exclusivo, misto complementado e total. A ausência materna ao pré-natal elevou em 173% (HR = 2,73; IC95%: 1,89-3,93) o risco de diminuir a duração do aleitamento materno exclusivo, em 83% (HR = 1,83; IC95%: 1,06-3,16) o risco da adoção do aleitamento misto complementado e em 38% (HR = 1,38; IC95%: 1,06-1,81) o risco da descontinuidade do aleitamento materno. O trabalho materno fora do domicílio e a área de residência urbana aumentaram o risco para interrupção precoce do aleitamento materno. A ampliação do acesso ao pré-natal e da rede de proteção às mães que trabalham fora do domicilio e àquelas que residem na área urbana poderia aumentar a duração da amamentação no Recôncavo da Bahia.

Keywords : Aleitamento Materno; Lactação; Nutrição do Lactente; Estudos de Coortes.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese