SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 issue5Factors associated with influenza vaccination among the elderly: a cross-sectional study in Cambé, Paraná State, BrazilPrevalence of self-reported chronic diseases in individuals over the age of 40 in São Paulo, Brazil: the Platino study author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

BRAGA, Ana Paula Gasparini; BARRETO, Sandhi Maria  and  MARTINS, Andréa Maria Eleutério de Barros Lima. Autopercepção da mastigação e fatores associados em adultos brasileiros. Cad. Saúde Pública [online]. 2012, vol.28, n.5, pp. 889-904. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2012000500008.

Propôs-se estimar a prevalência da autopercepção da mastigação e investigar os fatores relacionados à autopercepção regular e ruim. Foram entrevistados e examinados 13.431 adultos, participantes do projeto SBBrasil. Foram realizadas análises descritiva, bivariada (χ2; p < 0,20) e multivariada por meio de regressão logística multinomial (p < 0,05), com IC95%. 55,6% classificaram a mastigação como boa; 24,9%, como regular; e 19,5%, como ruim. Na analise bivariada, todos os fatores foram associados à autopercepção da mastigação regular ou ruim (p < 0,20). No modelo final, os fatores associados tanto com a percepção regular como ruim foram: não receber informações sobre como evitar problemas bucais, apresentar menos de 23 dentes remanescentes, necessitar de prótese parcial ou total, perceber a saúde bucal como regular ou ruim/péssima, relatar dor em dentes e gengivas e necessidade de tratamento odontológico. Conclui-se que diversos fatores associam-se à autopercepção da mastigação, principalmente as condições subjetivas, reforçando sua importância como indicador em saúde bucal.

Keywords : Mastigação; Sáude Bucal; Adulto.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese