SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 issue6Epidemiological aspects of leprosy: a spatial approachPsychological well-being of young people 18 to 24 years of age and associated factors author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

BORGES, Maria Fernanda de Sousa Oliveira et al. Prevalência do exame preventivo de câncer do colo do útero em Rio Branco, Acre, Brasil, e fatores associados à não-realização do exame. Cad. Saúde Pública [online]. 2012, vol.28, n.6, pp. 1156-1166. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2012000600014.

O objetivo do estudo foi determinar a prevalência autorreferida do exame preventivo de câncer do colo uterino em Rio Branco, Acre, Brasil, e avaliar fatores associados com a não realização do exame. Trata-se de estudo transversal de base populacional, composto por 772 mulheres de 18 a 69 anos residentes em Rio Branco, no período 2007 a 2008. Os dados foram analisados no programa Stata 10.0 e estimadas razões de prevalências a partir da regressão multivariada de Poisson. O percentual de mulheres na população alvo que relatou pelo menos um exame nos últimos três anos foi de 85,3%, com acentuada utilização do Sistema Único de Saúde (72,8%). Foram encontradas razões de prevalência estatisticamente significativas quanto à ausência do exame em mulheres de 18 a 24 anos, de 60 a 69 anos, solteiras, com menor renda e baixa escolaridade. As magnitudes encontradas nas razões de prevalência foram consistentes com achados de outros estudos, apontando maior necessidade de intervenção no grupo de mulheres mais vulneráveis à incidência e mortalidade por câncer do colo do útero.

Keywords : Esfregaço Vaginal; Neoplasias do Colo do Útero; Programas de Rastreamento.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese