SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 issue10Social inequality in health among women in Campinas, São Paulo State, BrazilSelf-rated oral health: results of the World Health Survey - Primary Care in four municipalities in Rio de Janeiro State, Brazil, 2005 author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Cadernos de Saúde Pública

Print version ISSN 0102-311X

Abstract

SANTOS, Hellen Geremias dos et al. Fatores de risco para mortalidade infantil em município do Sul do Brasil: comparação de duas coortes em análise hierarquizada . Cad. Saúde Pública [online]. 2012, vol.28, n.10, pp. 1915-1926. ISSN 0102-311X.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2012001000010.

Compararam-se fatores de risco para mortalidade infantil nos anos 2000/2001 e 2007/2008 em Londrina, Paraná, Brasil. Dados sobre nascidos vivos e óbitos infantis foram vinculados em base de dados única, e usou-se análise de regressão em modelo hierárquico. No nível distal, foram de risco para mortalidade infantil, em 2000/2001, idade materna < 20 e ≥ 35 anos e escolaridade materna baixa. Em 2007/2008, idades maternas ≥ 35 e < 20 anos foram de risco, enquanto escolaridade baixa, protetora. Associaram-se à maior mortalidade infantil, no nível intermediário, em 2000/2001: gestação múltipla, filhos mortos e número insuficiente de consultas pré-natal, enquanto cesariana foi fator protetor. Em 2007/2008, apenas gestação múltipla foi de risco. Todos os fatores proximais associaram-se à maior mortalidade infantil em 2000/2001 e, em 2007/2008, apenas idade gestacional e Apgar no quinto minuto. Houve mudanças nos fatores de risco para a mortalidade infantil nos biênios analisados, o que pode estar relacionado à ampliação de políticas sociais e de ações básicas de saúde, e a modificações no padrão reprodutivo e social das mulheres.

Keywords : Mortalidade Infantil; Fatores de Risco; Sistemas de Informação.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English