SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.10 issue1Health insurance for infants and infant vaccination related to forced-displacement in ColombiaFactors affecting how long exclusive breastfeeding lasts author indexsubject indexarticles search
Home Page  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista de Salud Pública

Print version ISSN 0124-0064

Abstract

JACINTO-REGO, Suzie A . de Souza et al. Relação do Índice de Desenvolvimento Humano e as Variáveis Nutricionais em Crianças do Brasil . Rev. salud pública [online]. 2008, vol.10, n.1, pp.62-70. ISSN 0124-0064.  http://dx.doi.org/10.1590/S0124-00642008000100006.

Objetivo O objetivo do presente estudo é demonstrar a relação do Indice de desenvolvimento humano (IDH) de diferentes regiões brasileiras no comportamento das variáveis de composicão corporal-indicadores do estado nutricional, assim como, a adequação da utilização destas variáveis. Materiais e Método Estudo descritivo, de corte transversal de topología comparativa. A amostra foi composta por alunos de escolas públicas, de ambos os sexos, com idade entre 8 e 10 anos, de 3 regiões brasileiras, escolhidas de maneira aleatória, sendo: Sul n= 262 masculino e n=251 feminino; Nordeste n=45 masculino y n=35 feminino; Norte n=96 masculino y n=38 feminino. Os protocolos utilizados foram de estatura, massa, somatória de dobras cutáneas e IMC. O IDH foi retirado do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento.A estatística utilizada foi a descritiva e inferencial, através do método comparativo Anova one-way para os dados paramétricos e o teste Kurskal-Wallis para os dados não paramétricos, sendo adotado um nível de significância de p <0,05, ou seja, 95 % de probabilidade para as afirmativas e/ou negativas, denotadas durante as investigações. Resultados Foi demostrada a existência de uma diferencia significativa p<0.0001 nas variáveis estudadas. Conclusiones A utilização de antropometria como uma ferramenta auxiliar para conhecer a composição corporal das crianças podem ajudar na prevenção ou tratamento precoce dos distúrbios alimentares, como desnutrição e obesidade. Ela pode ser parte das intervenções das políticas públicas ligadas à assistência infantil, na utilização de formas simples e eficiente para evitar problemas de saúde pública.

Keywords : Nutrição; obesidade; Infantis.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )